Artista dá cor a paredes no Nepal com street art em forma de origami

O convite foi feito no âmbito do projeto de arte Kolor Kathmandu, que pretendia dar mais vida às paredes cinzentas da capital do Nepal. 60 artistas voaram de todo o mundo até ao local e Daas foi um dos que mais se destacou. Talvez influenciado pelo lugar onde vive, o Japão, ele pintou animais coloridos no estilo origami.

Foram 75 murais pintados, entre janeiro e agosto deste ano. O diretor do festival, Yuki Poudyal, se inspirou em algumas cidades ocidentais e tentou levar o conceito da street art para o Nepal. O resultado é bem interessante, inspirando as pessoas pela arte e tentando atrair novos visitantes.

Entre outros, Daas pintou um panda vermelho e um elefante colorido. Se o elefante teve a particularidade de ser criado com a ajuda de crianças de uma escola local, já o panda foi uma chamada de atenção. O pequeno mamífero vive no distrito de Rasuwa, em Kathmandu, e está em vias de extinção – esta é a forma de o artista despertar consciências, ‘obrigando’ as pessoas a olhar todos os dias a enorme e colorida pintura.

KolorKathmandu1

KolorKathmandu2

KolorKathmandu3

KolorKathmandu4

KolorKathmandu5

KolorKathmandu6

KolorKathmandu7

KolorKathmandu8

KolorKathmandu9

A experiência é impactante para os visitantes e transeuntes, mas também para os artistas. Daas diz que ainda dá por si lembrando das pessoas maravilhosas com quem se cruzou e da paixão que fervia dentro delas. “Em Kathmandu, a vida era difícil, mas eu me sentia vivo”.