Estilo

Uma carta para mim mesmo 10 anos atrás – Vânia Castanheira

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Uma carta para mim mesmo 10 anos atrás é um convite do Hypeness a pessoas das mais diversas áreas para escrever uma carta para elas mesmas no passado. É uma forma de gerar reflexões importantes sobre a vida, inspirar pessoas e despertar aprendizados.

Convidada de hoje: Vânia Castanheira

Profissão: jornalista por formação, escritora e autora do blog Minha Vida Comigo e do livro “O câncer foi a minha cura” (à venda no Brasil e partir de Setembro). Trabalhou 5 anos como Diretora de uma empresa de tradução, com escritórios em Portugal, Espanha, Alemanha e Brasil.

Vânia por Vânia: Existe a Vânia A.C (antes do câncer) e existe a Vânia D.C (depois do câncer). Duas Vânias. Uma que viveu até aos 31 anos e a que viveu depois dos 31. Nasci em Moçambique, fui criada em Portugal (família portuguesa e espanhola), estudei um ano da faculdade em Itália e moro no Brasil há 10 anos. Sou casada e, quando me preparava para ser mãe, descobri um câncer de mama. O ponto de virada na minha vida e que me fez dar uma volta de 180 graus. Descobri que o que não nos mata faz-nos mais fortes e assim renasci com a força de uma verdadeira Samurai! Criei o blog, um projeto social, demiti-me e escrevi um livro! Publiquei em Portugal e agora no Brasil.

Olá Vanuxa!

Com 23 aninhos você ainda acha que vai mudar o mundo! E aqui estou eu, 10 anos depois para dar alguns conselhos e alertar para algumas coisas. Você ainda acha que todas as pessoas que trabalham nos mídia o fazem porque querem um mundo melhor. Acha que são todos justos, compreensivos, leais e trabalham em prol de um bem comum: tornar a sociedade melhor, acabar com a violência e com a fome no mundo! Aprenda desde já que o mundo não é cor de rosa e nem todas as pessoas se preocupam com as outras. E por isso são menos felizes.

Neste momento, você acabou a faculdade, está estagiando num canal de TV, em Portugal e, está prestes a passar o maior sofrimento da sua vida. Até aos 23 anos você achava que sua vida estava toda “planejadinha”, mais ou menos controlada. Tinha uma rota a seguir. Aqui vai uma notícia que pode parecer castradora: você não vai conseguir tudo o que almejou. Por mais que planejemos a nossa vida, ela não será da forma que imaginamos. Você vai passar por muita coisa… uma vida cheia de histórias! E isso vai enriquecer o livro que você tanto quer escrever! E vai escrever. 😉

Vai aprender o verdadeiro significado da frase “Roma e Pavia não se fizeram num dia”. Vai aprender a ser paciente, a controlar a ansiedade, a ser mais perspicaz e sagaz. Isso se chama maturidade. E só com a experiência é que a atingimos! Mas principalmente, vai aprender que apesar do nosso destino estar nas nossas mãos, você não vai conseguir controlar tudo. E não fique desesperada por isto. Deixe-se “descontrolar” um pouco e “deixa a vida te levar”.

Nós temos espirito de brasileiro e “não desistimos nunca”. E essa capacidade você nunca vai perder (pelo menos pelos próximos 10 anos). E a primeira grande prova disso é quando muda de “mala e cuia”, sozinha, para outro país, outro continente. Emigra para o Brasil! Deixa uma família para trás super ansiosa e desejosa que você volte. No entanto, você é teimosa e destemida e vai! Sempre sem medo de ser feliz! O único medo que você tem é o medo de não tentar!

Deixar a família para trás…longe dos seus momentos mais importantes (bons e maus) vai ser das coisas que você mais se vai arrepender. Ver que você não está lá quando eles mais precisam, nem eles aqui quando você tanto precisa de um colo. No entanto, esta foi a sua escolha e vai aprender a viver com ela. Se compensa? Não sei… todas as escolhas têm dois lados e cada um tem que escolher a sua.

Não vai acontecer nada, deste lado do Atlântico, que você e eu planejávamos. Sai tudo de forma diferente! Nem perto do mar você vai morar! Aposto que nesta você não acredita! Mas acredite. No entanto, um grande acontecimento que parece fatídico, vai fazer com que  a sua vida dê mais uma reviravolta e você se redescubra e passe a ajudar milhares de pessoas.

E não, também não vai ter o seu primeiro filho aos 30 anos. No entanto, aos 31 você descobre que tem um câncer de mama! Apenas com 1 ano e meio de casada com o seu marido… brasileiro! E vai escrever um livro aos 32. Esta descoberta vai fazer com que você saia da vida frenética e “anti-saúde” que você estava levando. O estresse estava dominando você e acabou por perder a consciência de quem é a Vânia realmente. Perdeu-se no caminho. O câncer e seus tratamentos ferozes vão obrigá-la a olhar para dentro de você mesma e a refletir sobre a vida que você quer. E isso vai fazer com que volte ao seu objetivo inicial, a sua missão: investigar, pesquisar, escrever e ajudar as pessoas. E aqui sim, vai conseguir atingir um equilíbrio corpo-mente-espírito. Lamento ser tão direta mas é isso mesmo, você vai levar 10 anos para atingir este equilíbrio. É assim, a vida!

Se você ler esta carta, nesta exata data, 10 anos atrás e acreditar em tudo isto, desejo que você continue sendo frenética pela vida, apaixonada e que corra atrás dos seus sonhos. E sempre, sem nunca perder a educação, os seus valores e o amor por quem te rodeia. No entanto, lembre-se que um sonho rapidamente vira um capricho. Nem sempre as coisas acontecem como nós imaginamos e isso não é necessariamente ruim. Comece, desde cedo a cuidar da sua cabeça. Pratique yoga, aprenda a fazer exercícios de concentração, faça muito Spinning para gastar sua energia e não deixar que ela atrapalhe os seus julgamentos. Ah! E tenha cuidado com as expectativas. Elas são perigosas e são elas que fazem com que os momentos menos bons virem frustrações e mágoas. Assim, poderá fazer as grandes escolhas com as quais se vai deparar, de forma mais racional e não apenas passional.

De resto, aproveite a vida, as viagens, as gulodices de vez em quando e cuide da sua saúde física e mental. Talvez assim você consiga ainda evitar, aquilo que você vai descobrir no dia 14 de janeiro de 2013. Ou então não… pois tudo acontece por uma razão e esta descoberta reequilibrou a sua vida e vai deixar você mais feliz.

Continue vivendo sem medo do futuro.

Um beijo no coração,
Vânia do futuro, com 33 anos.

Nota: Para conhecer melhor o trabalho de Vânia Castanheira, siga o Minha Vida Comigo.

faixa-carta


Redação Hypeness

Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Veja Também
Este charmoso café parece ter saído diretamente do filme ‘O Grande Hotel Budapeste’, de Wes Anderson