Startup recicla celulares antigos para salvar florestas do desmatamento

Já imaginou que seu celular “velho” pode monitorar o desmatamento ilegal de árvores? O desmatamento aqui no Brasil é um tema preocupante, mas nos EUA esse tipo de atividade também é bastante comum, e o efeito disso todos sabemos: mudanças climáticas e extinção drástica de espécies.

Os desenvolvedores do pioneiro projeto Rainforest Connection pensaram em uma forma simples e barata para ajudar a monitorar a derrubada ilegal de árvores – eles transformaram celulares antigos em aparelhos autônomos que usam energia solar e detectam qualquer barulho estranho na floresta. Ou seja, se não for o barulho de folhas e dos animais, e sim de uma serraelétrica, é possível saber onde a atividade está acontecendo e consequentemente avisar autoridades locais sobre o que está rolando, via SMS.

Uma forma bastante inteligente de conseguir reutilizar os mais de 150 milhões de celulares que são descartados nos EUA anualmente, segundo dados do Electronics Take Back. Com a ajuda do dispositivo, qualquer pessoa ao redor do mundo é capaz “ouvir” o grito de socorro das árvores quando algo estiver acontecendo em um raio de 300 hectares. Uma ideia resolvendo dois problemas e tornar o mundo um lugar melhor de se viver.

rainforest

rainforest2

rainforest3

rainforest4

rainforest5

rainforest6

 

rainforest-connection-funcionamento

rainforest-connection

O protótipo foi instalado na ilha de Sumatra, na Indonésia, e os resultados foram altamente satisfatórios. O projeto recentemente terminou sua campanha no Kickstarter para arrecadação do montante para construção de mais outros produtos pelo mundo, inclusive em florestas na Amazônia brasileira.