Jovem brasileiro viaja pelo mundo conversando e fotografando crianças em busca da própria juventude

Dois garotos, melhores amigos, planejaram uma viagem pelo mundo. Queriam explorar lugares, conhecer gente, ir além. Mas então aconteceu uma coisa chamada vida adulta, com compromissos, faculdade, trabalho, relacionamentos e dinheiro, e todos os planos incríveis feitos durante a infância ficaram esquecidos. Ou quase. Quando percebeu que seus sonhos corriam o risco de ficar para trás, Felipe Sant’Ana Pereira, então com 19 anos, decidiu fazer as malas e partir sozinho para sua aventura. Mas a viagem não foi apenas sobre novos lugares e pessoas: foi uma tentativa de encontrar, nas crianças do mundo, sua própria fonte de juventude.

Felipe percorreu mais de 30 países em quase um ano e meio de viagem. Foram seis meses na Europa, seis na Ásia e praticamente cinco meses na América Central. Em suas aventuras, o rapaz se encontrou com a vida, estampada no sorriso de cada criança que viu pelo caminho, mas também presenciou sofrimento e morte. Ele mesmo escapou por um triz de um atentado terrorista em Java, na Indonésia, e ficou aterrorizado quando precisou ser operado em um precário hospital na Bulgária.

Durante sua estada em Laos, no Nepal e na Indonésia entendeu o velho dizer de que quando menos um povo tem, mais ele tem a oferecer. E na pureza do olhar e das respostas das crianças encontrou a fórmula da juventude. Durante a viagem, entrevistou mais de 60 crianças – mesmo quando o idioma se tornava uma barreira, conseguiu ajuda para tradução ou, na pior das hipóteses, partia para desenhos e gestos. “Certa vez perguntei a uma menina, na América Central, se ela tinha vontade de ser adulta. Ela respondeu que não. E por que? Porque aí as sandálias que ela estava calçando, feitas pela mãe, não serviriam mais“, conta.

Enquanto se aventurava por países de distantes, cumprindo seu sonho de criança, Felipe escreveu uma longa carta ao amigo que abandonou a promessa. Agora, a carta será transformada em livro, “Jovem o Suficiente”, que promete contar a aventura em detalhes, bem como trazer fotos e entrevistas que fez com algumas das crianças que marcaram a jornada e que o ensinaram a prezar ela juventude. A obra está sendo financiada via Catarse e já conquistou mais que o dobro do valor inicial necessário.

A experiência de Felipe é uma grande lição de vida: seja pelas sandálias que poderão não mais servir ou por sonhos verdadeiros, a juventude não pode se deixar sufocar pela vida adulta.

jovem-o-suficiente2

Crianças no Tibete

jovem-o-suficiente3

Pôr do sol em Laos

jovem-o-suficiente4

Em Honduras

jovem-o-suficiente5

Templo de Agnkor, no Camboja

jovem-o-suficiente6

Cachoeira de Kuang Si, em Laos

jovem-o-suficiente7

Crianças na Índia

jovem-o-suficiente8

Felipe deu aulas em uma escola na Indonésia

jovem-o-suficiente9

Indonésia

jovem-o-suficiente10

Trailer em que morou no norte da Grécia

jovem-o-suficientee1

A garota Anjeli, em Udaipur, na Índia

Você pode acompanhar todas as novidades, no Facebook do projeto.

Todas as fotos © Felipe Sant’Ana Pereira

[via Surfari]