Fotógrafa documenta a recuperação do irmão viciado em heroína

A fotógrafa canadense Jackie Dives costuma trabalhar com retratos e fotografia documental. Mas há cerca de um ano, o sujeito da imagem em um de seus projetos ficou mais próximo. A pedido de seu irmão, que tenta se livrar do vício em heroína, ela aceitou criar uma série para registrar seu progresso.

As imagens capturadas são bastante honestas no sentido de escancarar emoções por meio de um olhar ou gesto. Nas fotografias, o irmão de Jackie mostra emoções flutuantes, que apesar dos sorrisos, encontram tristeza e sofrimento. “O que é importante para mim é um simples momento na vida do meu sujeito. Não é algo forçado ou artificial. Eu quero mostrar o meu sujeito de forma verdadeira“, afirma ela em seu site.

O mais curioso é que, segundo a fotógrafa, foi seu irmão quem provocou nela a paixão pela fotografia. Oito anos mais velha, ela usava a câmera como forma de se conectar ao garoto.

Confira abaixo a tocante série. Na legenda, Jackie descreve a quantidade de metadona, um narcótico usado no tratamento de dependentes químicos, utilizada por ele:

jackie-dives20

105 g de metadona

jackie-dives1

jackie-dives2

jackie-dives3

jackie-dives4

jackie-dives5

jackie-dives8

jackie-dives9

jackie-dives10

jackie-dives11

70 gramas de metadona + heroína

jackie-dives12

30 gramas de metadona + heroína

jackie-dives13

60 gramas de metadona + heroína

jackie-dives14

jackie-dives15

jackie-dives17

jackie-dives18

jackie-dives16

Livre das drogas

jackie-dives19

Todas as fotos © Jack Dives