inspiração

A resposta de um fotógrafo brasileiro a uma crítica machista sobre seus ensaios nus femininos

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie


Pedro Fonseca é fotógrafo, pai e marido. Criativo, ele usa do texto e da imagem para mostrar o mundo e suas pessoas. Em um desses projetos, chamado A Olho Nu, ele fotografa mulheres e mostra, através do corpo despido, suas histórias, medos e desejos.

Para ser clicada por Fonseca e participar do projeto há até fila de espera. Contudo, há duas semanas, uma das mulheres que seria retratada desistiu. Não foi um compromisso urgente que surgiu ou uma doença, mas seu namorado que, ao descobrir que seria fotografada nua, causou uma grande confusão.

O rapaz não só impediu a moça de participar do projeto como enviou um email para Fonseca, questionando como ele não pede autorização também aos parceiros dessas mulheres que se candidatam ao ensaio. “E se fosse a sua mulher?“, perguntou o namorado indignado.

O fotógrafo respondeu de forma incrível, usando um outro projeto que mantém, o Do Seu Pai, em que Pedro escreve textos para que seus três filhos leiam no futuro (o Hypeness falou do projeto aqui). Desta vez, o fotógrafo, pai e marido escreveu à pequena Irene, sua filha, e contou sobre o ocorrido. Leia o texto completo abaixo. Por um mundo em que mais pais sejam assim!

pedrinho-fonseca

Irene,
algo estarrecedor aconteceu hoje, 20 de fevereiro de 2015, no meu e-mail. Um texto enviado por um rapaz equivocado me tirou um pouco da fé que procuro ter na humanidade. Tirou do chão que havia sob meus pés a confiança nas coisas que podem e devem mudar nas relações humanas – nesse caso, no que tange às relações entre homens e mulheres, mais especificamente. Deixa eu voltar duas casas para que no futuro, ao ler, você entenda o contexto. Estou fazendo um trabalho, filha, fotografando nus femininos. Um registro de mulheres que têm algo relevante a dizer e que através da sua voz e do seu corpo delimitam a fronteira invisível do respeito. As fotos delas vão para um site e também para um perfil no Instagram, junto com um texto que escrevo. Os ensaios duram em média duas horas e meia: duas de conversa, meia de cliques. Porque ao ouvi-las, entendo em que momento da vida estão e – agora sim o intuito final do projeto – que mulher é essa que, em 2015, caminha para o futuro. Saber que lugar é esse que elas querem chegar. Até agora foram mais de trinta mulheres e uma lista de espera bem grande. Hoje, uma das mulheres que seria fotografada, amanhã, cancelou o seu ensaio. Na véspera. Ela me disse que o namorado criou a maior confusão quando soube do ensaio e isso se estendeu até hoje à tarde. Já ele me mandou um e-mail que dizia que eu “deveria contactar os parceiros das mulheres para saber, antes, se eles autorizavam suas namoradas a posarem nuas”. Ainda perguntou: “se fosse a sua mulher?”. Mandei o link do ensaio da sua mãe para ele. Olha, filha: JAMAIS deixe um homem pensar que ele é dono do seu corpo. JAMAIS. Seu corpo, esse presente que o Universo deu, é só seu. Faça com este corpo o que VOCÊ MESMA quiser. NUNCA deixe que seu companheiro ou companheira mande nisso. Pense no seu corpo como algo único, raro: só você tem. Ninguém mais. O corpo é a capa da alma e nos protege dos mais violentos ventos. Se um dia você quiser posar nua, filha, tem o meu apoio. E se não quiser, tem o meu apoio também. Agora, se um dia você namorar um babaca, filha, vou infernizar a sua vida.

Do seu pai,
Pedro

pedrinho-fonseca2

pedrinho-fonseca3

pedrinho-fonseca5

pedrinho-fonseca6

pedrinho-fonseca7

pedrinho-fonseca8

pedrinho-fonseca9

pedrinho-fonseca10

pedrinho-fonseca11

pedrinho-fonseca12

Todas as fotos © Pedro Fonseca


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.