A cada 15 dias indo ao trabalho de bike, servidor do MPF-PE ganha 1 dia de folga

Para estimular o uso da bicicleta como meio de transporte no dia a dia, o Ministério Público Federal de Pernambuco aprovou uma portaria (n° 46/2015) que garante ao servidor 1 dia de folga a cada 15 em que ele usar a bicicleta para ir até o trabalho. A regra, que está em funcionamento desde março deste ano, tem o objetivo de beneficiar os funcionários que deixam o carro de lado, buscando uma alternativa de transporte sustentável e saudável.

Para ter direito ao benefício, proposto pelo procurador da República Rafael Ribeiro Nogueira Filho, os servidores devem estacionar as bikes dentro do edifício da Procuradoria e assinar uma declaração, que é então enviada à coordenação para o abono do dia de trabalho. A conta é simples: 15 dias de bike, 1 de folga. Para se adequar aos ciclistas, o prédio agora conta com vestiários para que os servidores possam tomar uma ducha e trocar de roupa antes de começarem a trabalhar.

Apesar de positiva, a iniciativa causou certa polêmica, já que muitos dos servidores que moram longe do local de trabalho – o que torna o uso da bicicleta mais complicado – usam o transporte público para se deslocar e, portanto, não serão beneficiados.

E você, o que achou da ideia?

 ciclista-trabalho

Foto CC Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

ciclista-trabalho2

Foto via CicloVivo

ciclista-trabalho-interna

Foto CC Richard Masoner