Como um vendedor de água usou a criatividade para melhorar seu negócio no trânsito de SP

Com uma boa dose de criatividade e coragem, até as atividades mais simples podem ser melhoradas. Prova disso é a forma que Rodrigo de Oliveira Silva, 28, encontrou para inovar ao vender água. Ele decidiu caprichar na gravata borboleta, praticar a habilidade com a bandeja e se transformar em um garçom das ruas.

Em plena rua Estados Unidos, em São Paulo (SP), ele caminha por entre carros e motos oferecendo água em um baldinho de gelo. Há quem pense que é champagne, mas o visual é só uma forma de chamar a atenção e conquistar mais clientes. A tática parece estar funcionando bem. Segundo Silva, que quer aproveitar o calor do verão que está por vir, ele vende de 120 a 130 garrafinhas de água por dia entre as 10h30 e as 17h.

Gosto de trabalhar com o público. Trabalho legal com o público, entendeu? As pessoas me tratam bem, dizem que inovei“, disse ele à Folha de S. Paulo.

garcom-ruas

Foto © Reprodução

Via Folha de S. Paulo