Série intensa capta expressões cruas de pessoas que passam por quimioterapia

O fotógrafo californiano Robert Houser iniciou em 2011 um projeto de retratos intitulado Facing Chemo (“Enfrentando a Quimio”, em português), protagonizado por pessoas que passam pelo tratamento da quimioterapia.  A série conta hoje com imagens de mais de 35 pessoas e é intensa como a fotografia deve ser.

Através da arte, o fotógrafo comunica suas questões relacionadas à saúde. Ele criou, assim, a ONG Facing Light Foundation, onde usa a fotografia para narrar histórias de pessoas que enfrentam o desafio da doença e do processo do tratamento, a fim de levar uma perspectiva mais humana para a comunidade médica e galerias através de exposições itinerantes. Robert declara: “Eu quero educar, mover e inspirar. Quero que as pessoas sintam… tenham empatia. O câncer atinge muitos de nós”.

O fotógrafo contou que o projeto começou quando estava fotografando uma mulher e notou que ela tinha uma cicatriz. Ele questionou sobre a marca e ela contou que ia iniciar o processo de quimioterapia e perder todo seu cabelo. Robert perguntou se poderia fotografá-la durante o processo e ela se recusou. Anos depois, ela o procurou dizendo que mudou a ideia e assim começou a série.

Vem conhecê-la:

Robert lançou outra exposição dentro deste projeto sobre o tema chamada Facing Chemo Before & After (Enfrentando a Quimio Antes & Depois), que retrata pacientes durante e depois do processo de quimioterapia.

quimio8

quimio9

quimio13

Todas as fotos © Robert Houser

Para saber mais sobre os projetos, siga este link.