Café gerenciado por vítimas de ataques com ácido chama a atenção pra condição feminina na Índia

Sheroes’ Hangout é um novo café na cidade indiana de Agra que tem por objetivo eliminar o estigma em torno vítimas de ataques com ácido e reabilitar essas pessoas para a sociedade. Além de, é claro, servir café.

O intuito é espalhar consciência de que esses crimes acontecem muito no país. Para se ter uma ideia, são mais de 1.000 casos anualmente, segundo o Departamento Nacional de Registros Criminais – a maioria deles, cometidos por homens rejeitados. Acontece que a maioria desses casos não são reportados por causa da vergonha que essas garotas sentem de mostrar o rosto ou por medo de serem atacadas de novo.

india5

O nome Sheroes é um trocadilho com as palavras she (“ela”) e heroes (“heróis”, em português) e, segundo os administradores do café, é uma maneira de honrar as sobreviventes dos ataques.

A ideia por trás de abrir esse café não foi só para gerir uma empresa, mas também para ter um centro de atividades para espalhar consciência“, disse Alok Dixit, fundador da campanha Stop Acid Attacks, que ajudou a criar o café. “As pessoas pensam que as vítimas vem de outro mundo. O Sheroes é um esforço para fazê-las acreditar que são parte de nós e que podem viver normalmente“, completa.

Sheroes3

“A verdadeira face do empoderamento feminino. Seu apoio é nossa força.”

Sheroes1

Sheroes2

Sheroes4

Sheroes5

Sheroes6

india1

india2

india3

india4

Além de café, o Sheroes’ Hangout abriga também uma livraria feminista que pretende ser uma plataforma de divulgação dos direitos das mulheres na Índia.

Sheroes7

Todas as fotos © Sheroes’ Hangout