Série de fotos tocante compara a vida das crianças refugiadas de hoje com as da II Guerra Mundial

O mundo inteiro se comoveu quando a imagem do menino Alan Kurdi, refugiado sírio de apenas 3 anos de idade, foi divulgada pelos meios de comunicação. O pequeno havia morrido ao tentar atravessar para a Europa e se tornou um símbolo da crise que afeta os refugiados sírios.

Apesar disso, pouca gente se lembra que crianças como Alan arriscam suas vidas todos os dias ao tentar uma nova vida em outro país. E a situação delas é bastante parecida com a vivida pelas crianças que sobreviveram à Segunda Guerra Mundial.

Uma série de fotografias lançada pela UNICEF mostra bem as semelhanças entre as duas situações e traz à tona uma nova reflexão sobre o assunto. No último ano, mais de um milhão de refugiados entraram na Europa, segundo dados do Buzzfeed News – o número só chega próximo ao que foi alcançado durante a Segunda Guerra Mundial, o maior conflito do século XX.

E as fotos abaixo são uma prova de que as semelhanças não param por aí.

unicef1

Entrada proibida: Cerca de 1946, na Grécia, meninas espreitam através da janela de uma escola onde uma clínica médica foi criada (à esquerda). Em 2015 na antiga República Iugoslava da Macedônia, uma criança refugiada está com adultos em uma cerca de arame em Gevgelija, parados no principal ponto de entrada para o país.

unicef2

Ao ar livre: Duas crianças dormem em uma cama de madeira no meio de uma rua na Itália por volta de 1945. Na Croácia, um adulto e uma criança refugiados dormem em uma cama improvisada fora de uma casa de passagem em 2015.

unicef3

Sem-teto: Na Grécia por volta de 1949, as crianças espiam desde uma cabana improvisada (à esquerda). Em 2015 na antiga República Iugoslava da Macedônia, uma menina está encolhida debaixo de um cobertor para afastar o frio.

unicef4

Lágrimas: Um menino novo leva uma criança chorando em um acampamento para pessoas desalojadas em Kavaja, Albânia, por volta de 1945. Em 2015, na Antiga República Iugoslava da Macedônia, uma criança chorando é consolada perto de Gevgelija. A Unicef lembra que viagens longas e incertas deixam as crianças assustadas e vulneráveis.

unicef5

Educação: Um menino refugiado lê um livro na Grécia por volta de 1955 (à esquerda). Crianças desenham em um espaço infantil apoiado pela Unicef equipado com materiais e brinquedos educativos para crianças que passam através de Preševo, casadas de suas longas jornadas, na Sérvia em 2015.

unicef6

Comida: Cerca de 1946, na Grécia, as meninas deslocadas comem uma refeição de “halva”, uma mistura de farinha de semolina nutritiva, azeite ou margarina e açúcar (à esquerda). Em 2015, uma criança refugiada come um lanche em uma estrada de ferro perto de Gevgelija, na fronteira com a Grécia

unicef7

Auxílio: Um trabalhador humanitário realiza uma pesquisa de nutrição com uma família em uma área de cozinha ao ar livre, na aldeia de Lika, muito danificada pela guerra, na Iugoslávia, cerca de 1945 (à esquerda). Na Antiga República Iugoslava da Macedônia, um tradutor da Unicef seca as lágrimas de uma menina chorando em Gevgelija em 2015

unicef8

Nutrição: Cerca de 1950, na Grécia, meninas recebem uma refeição da Unicef. Em 2015, na Grécia, um funcionário da ajuda de voluntários coloca um cobertor de emergência ao longo de três crianças refugiadas recém-chegadas enquanto elas comem bananas

unicef9

Jornada: Em 1946, na Polônia, uma família de refugiados repousa sobre seus pertences durante a sua viagem para a fazenda que os espera na região da Baixa Silésia (esquerda). Em 2015 na antiga República Iugoslava da Macedônia, um menino envolto em um cobertor descansa ao lado de uma estrada de ferro que vai para o norte da Sérvia

unicef10

Roupas novas: em 1949, na Itália, uma menina sorri enquanto tem suas medidas tiradas para um vestido novo no Instituto de Santa Genoveva, um orfanato em Nápoles (à esquerda). Em 2015 na antiga República Iugoslava da Macedônia, refugiados sírios, afegãos e iraquianos coletam roupas de inverno distribuídas em Tabanovce

unicef11

Esportes: Cerca de 1950, na Itália, crianças com deficiência jogam futebol (à esquerda). Em 2015 na antiga República Iugoslava da Macedônia, adolescentes jogam futebol em um centro de recepção para refugiados e imigrantes. 

unicef12

Viagens: Na Grécia por volta de 1946, crianças órfãs de guerra esperam em um caminhão enquanto viajam para encontrar suas famílias adotivas (esquerda). Em 2015, um menino tenta dormir em um trem lotado viajando em direção à fronteira com a Sérvia a partir de Gevgelija. 

unicef13

Cansados: Cerca de 1946, na Alemanha, uma menina deslocada envolta em cobertores fica no topo de seus pertences, esperando para continuar a sua viagem de volta (à esquerda). Em 2015, na Sérvia, um menino refugiado repousa em uma mala em um centro de recepção em Preševo. Ele vai viajar mais depois de receber os seus documentos de viagem.

unicef14

Sapatos: Na Grécia, cerca de 1950, um menino usa meias presas com cordas e sapatos diversos tamanhos acima do seu (à esquerda). Em 2015, em Gevgelija, Jamal Majati amarra os cadarços de seu filho Basher depois de parar para mudar suas roupas em um espaço adequado para crianças apoiado pela UNICEF, enquanto eles fogem do conflito sírio.

Todas as fotos © UNICEF