Esse cãozinho foi abandonado após sobreviver a um incêndio e tornou-se bombeiro ao lado de seu salvador

Superar adversidades e se tornar inspiração para que outros contornem e evitem as mesmas dificuldades que te acometeram é uma nobre virtude para qualquer ser humano, imagine para um cachorrinho. Pois foi exatamente isso que aconteceu com o hoje mascote do corpo de bombeiros Tiny Jake (Pequeno Jake).

Após ter 75% de seu corpo queimado em um incêndio acidental, Jake foi abandonado por seus antigos donos e adotado pelo bombeiro que o salvou, e se tornou um membro oficial do corpo de bombeiros – com direito a certificado e tudo.

JAKE10

Tudo começou pois, depois do incêndio, a família que antes cuidava de Jake – que tinha somente quatro semanas de vida quando aconteceu o acidente – percebeu que não teria recursos para cuidar do filhote, e acabou abandonando-o em um veterinário local.

A notícia se espalhou, e William Lindler, o bombeiro responsável por seu salvamento, não titubeou: adotou Jake que, rodeado de amor e cuidados dentro do batalhão, recuperou-se rapidamente.

JAKE8

Agora o ofício de Tiny Jake é participar de palestras em escolas, sobre os cuidados que devem ser tomados para se evitar incêndios e queimaduras em geral. Lindler, seu orgulhoso amigo, tenta que Jake receba de fato um certificado de cão terapeuta para crianças que tenham sofrido queimadura.

Para Lindler, a história de Jake é perfeita para ensinar que, por pior que seja uma situação, é possível superá-la.

Você pode acompanhar Tiny Jake em sua página no Facebook.

JAKE9

JAKE4

JAKE3

JAKE7

JAKE6

JAKE12

JAKE2

JAKE1

JAKE11

JAKE5

JAKE13

Recentemente, o Hypeness mostrou o cachorro que se tornou co-piloto do motoqueiro que o adotou. Relembre.