ONG americana ajuda moradores de rua a tomar conta de seus animais

Morar na rua não é nada fácil. A falta de abrigo em noites de frio ou chuva e a fome são grandes desafios, mas há um ainda maior: a solidão. Não é por acaso que muitos moradores de rua adotam cães e gatos como companheiros.

Mas, para quem já tem dificuldades para cuidar de si mesmo, como alimentar mais uma boca? Como cuidar da saúde do animal? Para ajudar com essas questões, a ONG americana My Dog Eats First providencia ração, vacinas, cuidado veterinário e acessórios para os bichinhos de Louisville, no Kentucky.

Segundo a criadora do projeto, cuidar de alguém reforça nossos motivos para viver. As pessoas podem não morrer de solidão, mas se isolar totalmente do mundo pode fazer com que elas deixem de existir. Assim, ter um animal para cuidar e amar tende a deixar os sem teto mais saudáveis, se sentindo parte do mundo.

Toda a ajuda repassada pelo My Dog Eats First vem de doações. Voluntários se encarregam de retirá-las e levá-las até quem precisa. Assim, acreditam, reduzem a quantidade de animais saudáveis deixados em abrigos por falta de dinheiro.

Quem tem um animal de estimação sabe a diferença que ele faz.

bethandgang

12508777_996839440377800_7016599851635450859_n

9798700_G

12631313_1008322795896131_2874134540648469594_n

12743683_1020199588041785_9008790438631888242_n

12439269_996839423711135_3217308762203239190_n

10441316_1018971554831255_4342198536075468640_n

Todas as imagens: Reprodução/My Dog Eats First