Sustentabilidade

Dinamarca inaugura primeiro mercado de produtos vencidos para evitar desperdício; e já é um sucesso

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie


Uma ONG dinamarquesa Folkekirkens Nødhjælp inaugurou em Copenhague o Wefood, o primeiro supermercado dedicado à venda de produtos vencidos – que iriam para o lixo por estarem fora da validade, mas que ainda se encontram apropriados para o consumo.

SUPERMERCADO1

A inauguração contou com a presença da princesa Marie e da ministra do Meio Ambiente e Alimentação da Dinamarca, Eva Kjer Hansen. A iniciativa pretende combater o desperdício de alimento e apontar esse como um dos aspectos ambientais e sociais mais graves hoje.

Segundo a ONU, um terço dos alimentos produzidos anualmente acaba no lixo, enquanto quase um bilhão de pessoas passa fome diariamente pelo mundo. Só na Dinamarca, país especialmente preocupado com a questão ambiental e o bem estar social, cerca de 700 mil toneladas de alimento são desperdiças por ano.

A Ministra e a princesa Marie inaugurando o Wefood A Ministra e a princesa Marie inaugurando o Wefood

Per Bjerre, ligado à ONG responsável pelo supermercado, lembra que os produtos são testados e tem sua qualidade garantida. É, portanto, além de uma maneira de combater o desperdício e a pobreza, também uma oportunidade de adquirir produtos consideravelmente mais baratos, chegando a metade do valor de produto em outros supermercados.

A princesa Marie passeando pelo supermercado após a inauguração A princesa Marie passeando pelo supermercado após a inauguração

Bjerre explica que, por exemplo, quando uma fruta apodrece em uma caixa, é mais rápido e lucrativo para os supermercados jogar a caixa toda fora. No caso do Wefood, a função de seus funcionários é justamente separar a fruta boa das ruins, e fazer render aquele lote antes condenado. Assim, os produtos seguem seguros e, dependendo, ainda frescos para o consumo.

SUPERMERCADO2

O supermercado foi viabilizado através de um financiamento coletivo, e todos os funcionários trabalham voluntariamente no Wefood. Os lucros serão destinados a trabalhos sociais realizados pela ONG na África e na Ásia.

SUPERMERCADO6

E se para nós, acomodados em nossos desperdícios diários, a ideia pode parecer estranho, Bjerre aponta que todo o estoque de abertura da loja acabou no primeiro dia, e que na manhã seguinte já havia uma fila do lado de fora antes mesmo das portas abrirem. O futuro realmente pode ser mais barato, ecologicamente e socialmente corretos, sem perder o sabor nem os nutrientes.

SUPERMERCADO4

© Fotos: Mikkel Østergaard/Divulgação

Recentemente o Hypeness mostrou o serviço de entrega de comidas consideradas “feias” vendidas com desconto em SP. Relembre.


Redação Hypeness

Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Veja Também
Clube de assinatura de produtos de limpeza ecológicos oferece duas opções de kits