Veja como a internet ajudou (até demais) a amparar os felinos da famosa ‘Ilha dos Gatos’

A ilha de Aoshima, no Japão, também conhecida como ‘A Ilha dos Gatos’, onde a população felina supera a humana numa proporção de 6 para 1, recentemente se viu num dilema: por conta das condições climáticas, o suprimento de comida para os animais não pôde ser entregue. Como quase tudo hoje em dia, a solução encontrada foi uma só: recorrer à internet.

CATFOOD7

Bastou um tweet, explicando que não há lojas de alimento para gatos na ilha, e que não era possível, naquele momento, sair de barco para comprar no continente, que uma enxurrada de doações começou a chegar em Aoshima.

Em poucos dias as autoridades não tinham mais onde estocar tanta comida. Então, um novo tweet brotou para o mundo: “Por favor, parem de enviar comida de gato para Aoshima. Nós recebemos muito mais do que esperávamos, e não há mais onde guardar. Estaremos bem até abril. Muito obrigado a todos”.

CATFOOD3

CATFOOD6

CATFOOD8

CATFOOD9

É impressionante e comovente capacidade de mobilização quase instantânea que a internet nos oferece. É também um alívio saber que os gatinhos de Aoshima não passarão fome (talvez a população humana tenha ficado com medo do que poderia acontecer quando essa multidão felina realmente estivesse faminta). E, para os que procuram oportunidades de negócio, abrir uma loja de comida para gatos na ilha não parece uma má ideia.

CATFOOD4

CATFOOD2

CATFOOD1

CATFOOD5

Há pouco o Hypeness mostrou uma outra ilha no Japão dominada por raposas. Relembre.