Inspiração

Médica publica texto poderoso que lembra por que uma mãe que não ama seu filho não é “desnaturada”

por: Mari Dutra

Publicidade Anuncie

Ficou morrendo de vontade de criticar tudo antes mesmo de ler esse texto e o depoimento mais do que poderoso da médica Júlia Rocha? Então para e vai com calma e de peito aberto. A Júlia falou sobre algo que incomoda muita gente: mães que não amam seus filhos – e lembrou que elas geralmente têm um bom motivo para isso.

O depoimento da médica foi publicado através do Facebook, onde ela conta parte da rotina vivida com seus pacientes em um posto de saúde. O texto começa com uma provocação e se torna um verdadeiro tapa na cara da sociedade. “Quantas mães desnaturadas você conhece? A quantas você deu oportunidade de falar?“, questiona.

Em seguida, a médica compartilha a história de uma de suas pacientes,  a Laura, que faz de tudo pela filha. Até que ela desaba: “A única coisa que eu queria, mas não consigo, é amar a minha filha“. Assim, com toda a sinceridade do mundo, ela se abre para contar que foi criada pela avó e nunca teve muito contato com a mãe. Por sua vez, a relação entre mãe e avó também não tinha sido muito boa, e assim sucessivamente.

Agora, se você acha difícil aceitar uma mãe que não ama seus filhos, vai ver que difícil mesmo é ler esse depoimento sem chorar. :'(

Fotos: Reprodução Facebook


Mari Dutra

Depois de viver na Argentina, na Irlanda e na Romênia, percebeu que poderia carimbar o passaporte mais vezes caso trabalhasse remotamente. Hoje escreve para o Hypeness e mantém um blog de viagens, o Quase Nômade, em que conta mais de suas experiências pelo mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Veja Também
Motorista de Uber ajuda passageira abandonada pelo crush a bolar a melhor vingança