Debate

Mãe lança debate ao contar por que se arrepende de ter amamentado seu bebê

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie


A australiana Maddy Wright, famosa no seu país por um programa onde, junto com seu marido, compra casas, reforma e vende por um valor mais alto, fez um importante desabafo nas redes sociais na última semana.

16602161_927823500687509_2173492882968375094_o

Há 5 meses, Maddy, que já é mãe de Carter, de 1 ano e meio, deu à luz a Marlow. Cansada de não ter tempo nem forças para mais nada, já que a amamentação toma boa parte do dia – e da noite – de uma mãe, ela tomou uma importante decisão.

Faz 4 semanas que a australiana parou de amamentar seu filho mais novo e, como explicou no texto do post, fez isso não porque não é uma boa mãe, nem porque não se importa com a saúde do seu filho, mas para ter mais energia, se sentir mais disposta e poder passar mais tempo com seu outro filho e também com seu marido.

17192387_945698638899995_2563202344243052079_o

16730497_931812330288626_3234488883945178278_n

“Faz três semanas que parei com a amamentação, e eu sou uma pessoa completamente diferente. Eu sou uma mãe e uma esposa melhor. Eu tenho mais energia, e mais tempo para o meu outro filho. Eu não tenho mais medo de sair em público”, disse.

Ao contrário do que imaginava, Maddy recebeu apoio de diversas mães. Muitas não concordavam com o fato de deixar de amamentar tão cedo, mas ao mesmo tempo parabenizavam a jovem pela sinceridade e coragem.

É importante ressaltar que a OMS recomenda o aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de idade, já que o leite materno previne contra diversas doenças, como infecções respiratórias e urinárias, além de evitar diarreias, que é a segunda maior causa de morte em crianças no mundo.

I wish I never breastfed my baby. A strong statement and many would disagree but here's why… 3 weeks post stopping breastfeeding with my 4 month old I am a completely different person. I'm a better mum and better wife. I have more energy. I actually have gaps where bub is NOT on my body so I get to miss him a little. I have more time for my other son. I am more affectionate towards my husband. I don't dread going out in public. I enjoy my clothes again as I'm not leaking everywhere or having to wear uncomfortable maternity bras. I'm able to leave the house by myself without getting anxiety. I'm able to go to the gym again. I know I will cop alot of negative comments about this post but I think its important for mums to know that they have choices. There are so many different ways to be a mum. But what many mums forget is that MUM HAS TO BE HAPPY TOO. #breastfeeding #bottlefed #mum #baby

A post shared by Maddi & Lloyd (@maddi_and_lloyd) on


“Eu gostaria de nunca ter amamentado meu bebê. Uma declaração forte e muitos irão discordar, mas aqui está o porquê. Três semanas depois de parar a amamentação do meu bebê, eu sou uma pessoa completamente diferente. Eu sou uma mãe e esposa melhor. Tenho mais energia. Eu realmente ainda tenho momentos onde sinto falta dele amamentando. Mas tenho mais tempo para o meu outro filho. Sou mais afetuosa com meu marido. Eu não temo mais sair em público. Eu gosto de minhas roupas novamente e de como eu não estou “vazando” por todos os lugares ou então de ter que usar sutiãs de maternidade desconfortáveis. Eu sou capaz de sair a casa sozinha sem ficar ansioso. Eu sou capaz de ir a academia novamente. Eu sei que vou receber um monte de comentários negativos sobre este post, mas acho que é importante as mães saberem que eles têm escolhas. Há tantas maneiras diferentes de ser uma mãe. Mas o que muitos mães esquecem é que uma MÃE TEM DE SER FELIZ TAMBÉM.”

Todas as imagens © Reprodução Facebook


Redação Hypeness

Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Veja Também
Em vídeo, Skol prefere ser ‘Metamorfose Ambulante’ a ter a velha opinião formada sobre tudo