Neta oferece gatinho para o avô doente e vira sua vida de ponta cabeça – no melhor sentido

Os animais exercem um poder sobre os seres humanos que costumamos subestimar. Porém, a fotógrafa Akiko DuPont, que mora em Tóquio, no Japão, decidiu registrar como a companhia de um gatinho foi capaz de transformar a vida de seu avô, de 94 anos.

Akiko escreveu em uma publicação para o site Bored Panda que o avô Jiji costumava ir todos os dias ao seu escritório há 64 anos. Porém, em 2009, ele ficou doente e precisou ir para um hospital. Desde então, o idoso havia perdido gradualmente seu interesse na vida e ficou “mais rabugento do que nunca”.

gato6

Desde criança, a fotógrafa costuma registrar a vida do avô. O hábito começou antes mesmo de que ela soubesse que isso se tornaria uma profissão. Quando percebeu que o avô estava desanimado, ela decidiu oferecer um gato para lhe fazer companhia. Assim surgia uma bela amizade entre Jiji e o gatinho Kinako, que foi – felizmente – registrada através das lentes de Akiko.

Vem ver:

gato1

gato11

gato10

gato9

gato7

gato5

gato4

gato3

gato2

Todas as fotos © Akiko DuPont