Diversidade

Empatia e criatividade vão fazer parte de currículo de escolas de SP

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Conforme os modelos clássicos de educação vêm sendo questionados, se debate como mudar a escola para que ela atenda às necessidades da sociedade. Que é preciso ir além dos estudos sobre português, matemática e etc. e abordar a formação humana já é posição comum entre especialistas, e a prefeitura de São Paulo quer colocar isso em prática a partir de 2018.

De acordo com o Estadão, o novo currículo da rede municipal de ensino, que está sendo elaborado pela Secretaria de Educação, incluirá a abordagem de habilidades socioemocionais, incluindo empatia, criatividade e abertura à diversidade.

Não se trata de uma nova disciplina, mas de orientações que devem permear o ensino de todas as matérias. Ao descrever a habilidade de “empatia e colaboração”, o documento diz que é preciso ensinar o aluno a “trabalhar em grupo, criar, pactuar e respeitar princípios de convivência, solucionar conflitos, desenvolver a tolerância à frustração e promover a cultura de paz”.

Ainda de acordo com o Estadão, os professores da rede passarão por uma formação especial para se adaptar ao novo currículo. Claudio Fonseca, presidente do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo, ponderou ao jornal que é preciso “ter cuidado para que o currículo não se torne mais um modismo, que não muda a escola”. Segundo ele, “o currículo acontece no dia a dia, todos os profissionais precisam estar envolvidos”.

Foto: Reprodução


Redação Hypeness

Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Por que a diversidade faz bem para os negócios, para nós e para o futuro