Arte

Drugues + violinos: SP terá concertos de graça com trilha ao vivo de ‘Laranja Mecânica’

por: Vitor Paiva

Publicidade Anuncie

Os fãs do grande cineasta americano Stanley Kubrick terão, em fevereiro, a chance de se reencontrarem com uma de suas obras-primas de uma forma singular – não através da tela e dos olhos, mas sim dos ouvidos. O Theatro Municipal de São Paulo receberá, em fevereiro, mais uma edição da série Kubrick em Concerto, na qual a Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo executa peças das trilhas sonoras dos filmes de Kubrick. Nos próximos dias 23 e 24 de fevereiro, o filme homenageado será o clássico Laranja Mecânica, de 1971.

A orquestra se apresentará sob a regência do maestro Luís Gustavo Petri, junto do Coro Lírico Municipal de São Paulo, executando as peças que compõem essa clássica trilha. Funeral da Rainha Mary, de Henry Purcell, Pompa e Circunstância, de Edward Elgar, La Gazza Ladra e Guilherme Tell, de Gioacchino Rossini e dois movimentos da Sinfonia Nº 9, de Ludwig van Beethoven, formam a programação da apresentação – que acontecerá gratuitamente nos dois dias – na sexta-feira, dia 23, às 20hs, e no sábado, dia 24, às 16h30.

Acima, a Orquestra Sinfônica Municipal; abaixo, o Coro Lírico Municipal de SP

Os ingressos serão distribuídos duas horas antes de cada concerto e, diante do sucesso que foi a edição de janeiro – quando a OSM executou a trilha de 2001: Uma odisseia no espaço – é recomendado que se chegue cedo. O concerto terá duração de 90 minutos e também exibirá trechos do filme.


Clássica cena do filme de Kubrick

O Theatro Municipal de São Paulo fica na Praça Ramos de Azevedo, s/nº, no Centro, e a classificação indicativa é de 16 anos.

© fotos: divulgação/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Conselho internacional elege Rio como primeira capital mundial da arquitetura