Autor: Daniel Boa Nova

Era um domingo à tarde em que caminhava pela Rua Barão de Itapetininga, centro de São Paulo. A loja de uma conhecidíssima rede de fast food acabara de encerrar o expediente, deixando em frente às portas fechadas uma montanha de sacos com os resíduos do dia. Não deu cinco minutos para dois moradores de rua tomarem conta do pedaço.

Autor por Daniel Boa Nova . 04/11/2015
Comentar

Com o que você sonha na vida? Ter uma casa espaçosa com piscina e churrasqueira? Recheá-la com gadgets tecnológicos de última geração? Se possível, ter duas vezes essa casa, uma na cidade onde mora e outra numa praia paradisíaca? E ainda ter na garagem um carrão do ano para poder ir de uma casa à outra confortavelmente?

Autor por Daniel Boa Nova . 21/10/2015
Comentar

Cada vez que recebemos a notícia da morte de alguém próximo, inevitavelmente nos questionamos. Sobre a rotina que levamos, sobre as escolhas que fazemos. Sobre estarmos utilizando da melhor forma a oportunidade que recebemos quando vimos a luz pela primeira vez. Se a vida é frágil e o tempo é curto, você tem aproveitado a estadia?

Autor por Daniel Boa Nova . 07/10/2015
Comentar

Nada de enlatados, nada de processados. Uma massinha integral ou pão feito em casa? Nem pensar. Mesmo que fossem legumes orgânicos frescos adquiridos direto do produtor na feira do dia, nada de levar ao forno, cozinhar na panela ou usar a frigideira. Este que vos fala deveria viver uma semana à base de alimentos crus.

Autor por Daniel Boa Nova . 24/09/2015
Comentar

Foi em meados de julho que a ideia surgiu. Me perguntaram se tinha alguma pauta que gostaria de fazer e imaginei que ficar sem falar seria algo interessante. Ao comentar com minha esposa, ela falou do Vipassana. De uma maneira impulsiva e quase inconsequente, sugeri viver a experiência e escrever a respeito. Pauta aprovada. Agora cabia a mim encarar o desafio.

Autor por Daniel Boa Nova . 10/09/2015
Comentar

Embora andar de moto seja um prazer adquirido, não sou um motoqueiro por vocação. Tirei carta há 3 anos, após uma vida pegando ônibus. E, desde que tomei essa iniciativa e mais umas boas doses de desilusão profissional, a possibilidade de me tornar motoboy se nada desse certo passou a ser um comentário constante proferido por mim.

Autor por Daniel Boa Nova . 13/08/2015
Comentar

Das bençãos de não bater cartão: numa terça-feira logo após o almoço, minha mulher e eu dirigíamos tranquilamente pela estrada no interior de São Paulo. Embora o motivo da jornada fosse profissional, mal podíamos conter a satisfação por ser esse o programa da tarde, e não uma reunião onde os presentes viajam pelo smartphone debaixo da mesa.

Autor por Daniel Boa Nova . 27/07/2015
Comentar