Arte

Ela recria rostos com DNA encontrado em bitucas de cigarro e chicletes

Jaque_Barbosa - 13/05/2013

Acredite se puder: Heather Dewey-Hagborg é uma artista americana para quem uma simples ponta de cigarro ou um velho chiclete achadas no chão podem acabar em arte. Partindo do DNA de objetos jogados fora, ela recria o rosto das pessoas em 3D.

Heather extrai o DNA e estuda determinadas regiões do genoma que variam conforme a pessoa. Daí ela envia os resultados para um laboratório e recebe de volta as sequências de nucleotídeos que compõem o DNA. A artista coloca toda essa informação em um programa de computador personalizado para parametrizar um modelo 3D de um rosto que caraterize essas sequências.

Heather ainda está estudando algumas caraterísticas e por isso os rostos não são totalmente fiéis: “eles têm traços semelhantes”, diz a artista, “mas vão parecer mais um possível primo do que uma imagem viva da pessoa em si”. A série Stranger Visions é, no entanto, uma forma de dar vida ao lixo jogado no chão.

StrangerVisions1

StrangerVisions2

StrangerVisions3

StrangerVisions4

StrangerVisions5

StrangerVisions6
A artista com seu auto-retrato.

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
‘Caveira’, com 99% do corpo tatuado, diz que pais ‘ficaram em choque’; ele quer rivalizar com Diabão