Inovação

Projeto usa áreas abandonadas em SP pra trazer comida e emprego pras pessoas

por: Jaque_Barbosa

Patrocinado por:

Publicidade Anuncie

A vontade de mudança de um só homem acabou fazendo a diferença na vida de centenas de pessoas. Hans Dieter Temp é um empresário alemão vivendo em São Paulo, que começou por dar uso a um terreno baldio junto à sua casa. Daí foi mudando a paisagem de vários espaços carenciados e criou a ONG Cidades Sem Fome.

“Se vou morar aqui, preciso fazer algo”, pensou Hans Dieter Temp. Da horta comunitária com seus vizinhos, ele expandiu a ideia, fazendo com que regiões de grande vulnerabilidade social aproveitassem seus potenciais, ao invés de deixar terrenos abandonados ou esperar que a prefeitura faça algo com eles – coisa difícil de acontecer.

Desde 2004, a Cidades Sem Fome tem espalhado a palavra e a ação. Hoje são já 21 núcleos de hortas implantados em diferentes pontos de São Paulo, ajudando mais de 700 pessoas com a criação de emprego (fora as que são beneficiadas de forma indireta). As hortas utilizam o método da compostagem, no qual o que o que sobra de folhas e vegetais é reincorporado em forma de adubo orgânico, sem recursos químicos e permitindo grande diversidade nas espécies plantadas.

Cidades Sem Fome oferece às comunidades uma forma de produzir hortaliças e legumes em quantidades consideráveis, ocupando pequenos espaços e intervindo – pra melhor – na vida e paisagem dos próprios bairros. As pessoas ganham acesso a alimentos frescos e orgânicos, vendendo-os entre si. Mais comida e mais dinheiro em locais carentes. Abaixo, veja uma das muitas reportagens feitas sobre o projeto:

CidadesSemFome1

CidadesSemFome2

CidadesSemFome3

CidadesSemFome4

CidadesSemFome5

CidadesSemFome6

CidadesSemFome7

CidadesSemFome8

CidadesSemFome9

CidadesSemFome10

CidadesSemFome11

Siga-a também no Facebook.

Publicidade Anuncie


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.


X
Próxima notícia Hypeness:
Esta coleira de LED é perfeita para passeios noturnos com seus cachorros