Criatividade

Homem sente na pele as dores do parto – e só aguenta duas horas

por: Jaque_Barbosa

Henry McKean, jornalista de rádio na Irlanda, se inspirou em frases muitas vezes repetidas por algumas mulheres – “você não sabe o que é dar à luz”, “um homem não aguentaria jamais uma dor como essa” – e tentou replicar as dores do parto em seu próprio corpo. Aguentou duas horas.

McKean continua sem saber o que é dar à luz, mas ao menos já tem uma ideia do sofrimento pelo qual passam milhões de mulheres. Ele suportou as dores durante cerca de um terço do tempo que leva, em média, o trabalho de um parto normal. A experiência foi feita através da colocação de seis eletrodos em torno do abdômen de McKean, que recebeu impulsos elétricos na região pélvica.

É provavelmente o mais próximo de um parto que algum homem já sentiu. E a tentativa lhe deu fama, em um vídeo que se tornou viral. McKean diz que se sente agora mais próximo das mulheres e, para os homens, faz a descrição: “foi como ter 100 escovas de dente elétricas dentro da barriga, com muitos bonequinhos Lego chutando. Se você já pisou em um Lego sabe que eles são muito afiados”.

Confira o sofrimento do jornalista no vídeo (e valorize ainda mais as mulheres!):

HenryMcKean1

HenryMcKean2

HenryMcKean3

HenryMcKean4

Sem diminuir o mérito das mulheres, é preciso lembrar que a dor faz com que o organismo da mulher produza os hormônios chamados endorfina, que diminuem a dor e a relaxam, deixando-a menos cansada e mais resistente para enfrentar todo o processo do parto. Quanto mais evolui o trabalho de parto, mais endorfina é lançada no corpo da mulher. Nesse caso mostrado aqui, o homem obviamente não teve uma ajuda desses hormônios.

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Por dentro da ‘Star Wars Rise of the Resistance’, a nova atração da Disney para fãs da saga