Sustentabilidade

Eletropaulo troca materiais recicláveis por descontos na conta de luz

por: Jaque_Barbosa

Nos últimos tempos, nós aqui do Hypeness tivemos o prazer de contar histórias de iniciativas baseadas em trocas que beneficiam a comunidade e também o meio ambiente (relembre algumas delas aqui, aqui e aqui). E hoje viemos falar de mais uma iniciativa brasileira super legal que pode ajudar a população e também o planeta.

AES Eletropaulo criou um projeto chamado “Recicle mais, pague menos” em São Paulo, no qual todos os clientes podem trocar materiais recicláveis por desconto na conta de luz. Para isso, basta comparecer a um posto de coleta com a conta de energia para fazer o cadastramento. A partir daí, basta levar os materiais recicláveis limpos, secos e separados para pesagem. O valor é registrado no cartão e enviado para a distribuidora de energia. Os participantes recebem na hora um comprovante com a quantia que será descontada na próxima conta. Se o desconto ultrapassar o valor da conta, ficará como crédito para o mês seguinte, ou seja, a quantidade de resíduos que podem ser levados é ilimitada.

Por enquanto, há somente um posto de coleta funcionando, mas a empresa espera que ao longo do tempo, mais pessoas possam ser beneficiadas. O objetivo da empresa é coletar 200 toneladas de papel, plástico, metal e vidro. Para isso, espera cadastrar, no mínimo, dez mil famílias. Até 2014, a expectativa é arrecadar 1600 toneladas de resíduos com dez pontos de coleta e 40 mil clientes cadastrados.

O único posto de coleta em operação, até o momento, está localizado na Rua Joaquim Forzano, em frente ao nº 50, na Vila Guacuri, zona sul de São Paulo. Ele fica aberto às terças e quintas-feiras, das 9h às 16h. O segundo posto será aberto na região de Heliópolis.

Adoramos a ideia e esperamos que ela sirva de inspiração para mais projetos com causas nobres como essa.

eletro-1

Para mais informações acesse o site da AES.

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Desmatamento da Amazônia pode ser o dobro do registrado pelo Inpe, diz site