Arte

Essas ilustrações gigantes não foram feitas com uma régua mágica

por: Jaque_Barbosa

O corpo em movimentos circulares, incrivelmente bem coordenados, o tempo que for necessário, e aí está o processo criativo de Tony Orrico. Ele não usa uma régua mágica, mas sim lápis ou pincel. O resultado não deixa de surpreender.

A verdade é que Tony tem dois amores: o desenho e a dança. A união dos dois dá origem a ilustrações singulares e bastante precisas. De barriga para baixo, deitado sobre um papel que vira tela gigante, ele vai girando o corpo, à medida que os braços estendidos desenham uma variedade de formas orgânicas.

Um artista que se entrega por inteiro e que pode levar entre 15 minutos a 10 horas a fazer cada uma das obras. O processo obriga que os movimentos sejam bem programados, coordenados e repetidos. Para apreciar a obra deste artista em todo o seu esplendor, tem mesmo de ver o vídeo:

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=BWqH1oIWJJY&hd=1″]

TonyOrrico1

TonyOrrico2

TonyOrrico3

TonyOrrico4

TonyOrrico5

TonyOrrico6

TonyOrrico7

TonyOrrico8

TonyOrrico9

No canal do artista no Vimeo, você pode assistir a outros vídeos do processo de criação de Orrico.

Penwald: 2: 8 circles from Tony Orrico on Vimeo

Recentemente postamos o trabalho de uma artista que se parece um pouco com esse. Relembre aqui.

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.


X
Próxima notícia Hypeness:
Artista recria personagens de animes do Studio Ghibli interagindo com a natureza