Inovação

Jovens estudantes criam sabonete capaz de repelir o mosquito da malária

por: Vicente Carvalho

A malária é uma das doenças mais comuns em regiões subdesenvolvidas e na África essa doença se alastra mais facilmente, pela falta de saneamento básico. Por isso, e pensando em como ajudar, inicialmente, os moradores de Burkina Faso e Burundi, os estudantes africanos Moctar Dembele e Gerard Niyondiko desenvolveram um sabonete capaz de repelir o mosquito da malária, apelidado de “Fasoap”.

Os dois são estudantes do Instituto Internacional de Água e Engenharia Ambiental e apresentaram o sabonete especial durante um concurso realizado pela Universidade de Berkeley, na Califórnia. O produto é feito à base de ervas e ingredientes naturais fáceis de encontrar na região, como a manteiga de Karité e óleos essenciais, e rendeu aos estudantes um prêmio de U$ 25.000, que por sinal será usado na fabricação do produto em larga escala.

Eles ainda não revelaram o segredo da fórmula, mas o produto começará a ser comercializado em 2015, e o valor obtido no prêmio está sendo usado para otimizar o produto, afim de que o custo dele fique mais acessível à população que precisa. Um outro detalhe super importante é que até quando alguém usa o Fasoap durante o banho, a água residual passa a conter substâncias que impedem o desenvolvimento de larvas e mosquitos.

Gérard-Niyondiko-Moctar-Dembélé

Abaixo um pequeno vídeo (em inglês) onde eles explicam um pouco mais do produto:

sabonete

sabonete2

sabonete3

sabonete4

sabonete5

sabonete6

sabonete7

sabonete8

sabonete9

Publicidade


Vicente Carvalho
Em busca da terra do nunca.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Escola baiana há mais de 20 anos usa meditação para melhorar concentração de alunos