Empreendedorismo

A organização especializada em realizar sonhos de crianças com doenças graves

por: Jaque_Barbosa

Nasceu em 1980, nos Estados Unidos, e rapidamente se expandiu. Hoje a Make-A-Wish (Faça um Desejo) chega a 37 países, entre os quais o Brasil. O objetivo? Levar um momento de conforto e realizar sonhos de crianças em risco de vida ou que são portadoras de doenças graves.

É emocionante perceber como alguns dos desejos destas crianças são tão simples. ‘Ter um vestido de Cinderela’, ‘conhecer o time do Flamengo, ‘ter uma bicicleta com rodinhas e capacete rosa’ ou, simplesmente, ‘ter uma festa de 15 anos’ são alguns dos pedidos na lista.

A maioria de nós podia ajudar e realizar o desejo destas crianças e por isso nasceu a Make-A-Wish: ela reúne as crianças e as liga ao resto do mundo. Depois é só haver boa vontade e os sonhos se concretizam. Não resolvem o problema, mas levam felicidades a crianças cujas vidas foram roubadas pelas doenças. Até hoje, somente a unidade brasileira já realizou mais de 570 sonhos.

MakeaWish1

MakeaWish2

MakeaWish3

MakeaWish4

MakeaWish5

MakeaWish6

MakeaWish7

MakeaWish8

MakeaWish9

MakeaWish10

A Nokia foi parceira da Make-A-Wish na realização de um sonho, o de Amanda. Ela queria uma festa de 15 anos e a concretização do desejo ficou registrada em vídeo.

O sonho de Peyton Arens, de 13 anos, era fazer parte de um concerto com o seu ídolo Phil Anselmo, antigo vocalista do Pantera, uma das mais famosas bandas do movimento ‘Metal’. Philip H. Anselmo ficou sabendo do desejo de Peyton pela Make-a-Whish e aceitou convidar o jovem para subir ao palco durante um show em  Oklahoma. Veja só:

Muitas outras histórias estão contadas na página da Make-A-Wish.

todas as imagens retiradas da FanPage da organização.

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Boticário quer ajudar mulheres a combater ‘síndrome da impostora’ no trabalho