Fotografia

Série de fotos feita com scanner mostra fast food de perto

por: Jaque_Barbosa

As imagens têm muito de bizarro, e até repulsivo, mas não será de admirar se ainda assim seduzirem o espectador. O fotógrafo Jon Feinstein quis explorar a relação amor/ódio que as pessoas têm com a fast food e captou hambúrgueres, pizzas, nuggets e outras iguarias que são servidas tão rápido que também ninguém perde tempo para olhá-las.

É a história de sempre: sabemos dos malefícios que a já chamada de ‘junk food’ traz para a saúde, sabemos as bombas calóricas que elas são, mas é difícil resistir. Essa relação ambígua, que nos faz sentir culpados depois de uma refeição de fast food, é o mote do trabalho de Feinstein, que usa a comida como metáfora para outras dimensões do cotidiano.

O projeto começou em 2003 e o fotógrafo o olha como um livro aberto, que pode continuar sendo escrito e modificado, conforme a fase da vida. Feinstein leva menos de uma hora para produzir as imagens, pelo que todos os alimentos estão ainda quentes (o scanner sofre nessa hora). Ele diz que o efeito conseguido seria impossível com uma câmera normal.

Veja alguns dos pratos fotografados – eles vieram de diferentes restaurantes, por isso o fotógrafo colocou o número de gramas de gordura correspondente em cada, como método “pseudo-científico” de organização. Confira e veja se as fotos te causam repulsa ou fome:

FastFood1
14 gramas

FastFood2
30 gramas

FastFood3
8 gramas

FastFood4
42 gramas

FastFood5
4 gramas

FastFood6
26 gramas

FastFood7
2,6 gramas

FastFood8
12 gramas

A série Fast Food completa aqui.

todas as imagens @ Jon Feinstein

Publicidade


Jaque_Barbosa
Poeira Estelar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Sessão de fotos de passaporte revela bastidores hilários sem zoom