Sustentabilidade

Uma forma inovadora de vender verduras frescas direto para o consumidor

por: Jaque_Barbosa

A ideia é de um agricultor francês e tem tudo para ser replicada noutros lugares brevemente. Uma máquina de venda automática, funcionando 24 horas por dia, que em vez de barra de chocolate ou outros snacks, vende legumes e verduras frescas.

O equipamento feito de aço inoxidável e acrílico garante que o consumidor está levando alimentos com muito mais sabor e qualidade, visto que dispensa o transporte que é feito com os produtos que encontramos no supermercado.

Didier Renard é o nome deste agricultor inovador, que tem a máquina debaixo de um abrigo bem junto às suas estufas. Assim, Renard oferece toda uma gama de legumes produzidos localmente, entre tomates, pepinos, aipo, erva-doce, pimentão, melão, berinjela e por aí vai. Pra ter uma ideia, por 5 euros (cerca de 15 reais) os clientes levam um conjunto composto por uma mão cheia de rabanetes, salada, pepino e dois quilos de tomates.

Tudo direto do produtor para o consumidor:

DidierRenard1

DidierRenard2

DidierRenard3

DidierRenard4

Dica prática: a máquina não aceita cartões de crédito, mas aceita notas e dá troco.

Publicidade

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Não basta ser vegano: empresa gaúcha oferece alimentos sem soja e sem glúten