Inovação

“Smartphone-lego”, pelo fim dos gadgets que ficam obsoletos rápido demais

Vicente Carvalho - 17/09/2013

Com o lançamento de atualizações do iPhone semana passada, fica cada vez mais evidente o quanto nossos aparelhos se tornam obsoletos a partir do momento em que os compramos, sejam smartphones, computadores ou tablets, etc. É uma busca pelo novo que parece não ter fim.

O designer Dave Hakkens se mostrou muito incomodado com esse descarte instantâneo de aparelhos, seja por outro, seja porque danificou uma pequena peça, e propõe um smartphone com hardware customizável, uma espécie de Lego, que você vai encaixando conforme sua necessidade.

Dave sempre se mostrou preocupado com esse tipo de assunto relacionado ao descarte ou como usar de melhor forma os produtos. Ele chegou a inventar um cata-vento que extrai óleo de amêndoas de forma prática e sem uso de força manual ou elétrica, veja aqui. Pois, desta vez, ele foi mais longe: um smartphone montável, onde é possível facilmente trocar algum componente quebrado ou adaptar o aparelho de acordo com sua necessidade, colocando mais memória, bateria ou câmera fotográfica melhor. Enfim, uma revolução chamada PhoneBlocks .

Veja abaixo um esquema que fizemos para exemplificar o conceito do aparelho:

A base: uma placa de hardware

phonebloks

 

As peças, ou seja, as funções do aparelho, são removíveis:

phonebloks2

 

Itens como bluetoth, vibra-call, wi-fi, navegador, bateria, podem ser adicionados ou substituídos caso fiquem danificados.

phonebloks3

 

Algus exemplos são dados de possíveis combinações de acordo com a necessidade do usuário, por exemplo de um usuário que tenha todos seus dados na nuvem, e momentaneamente precise de mais bateria, ele retira o componente de armazenamento e insere uma bateria maior e mais potente:

phonebloks4

amp;nbsp;

Ou se você quer usar o celular com uma câmera mais potente, você pode remover componentes que não são prioritários e deixar seu smartphone com uma câmera melhor:

phonebloks5

Ou ainda se pensarmos em pessoas mais velhas, que querem o celular para uma função atualmente pouco usada: falar. Então manipula-se para que ele fique o mais simples possível:

phonebloks6

 

E você poderia comprar os componentes novos tudo em um site, assim como em qualquer e-commerce que já conhecemos:

phonebloks7

 

Abaixo, um vídeo onde é mostrado um pouco mais como funciona o aparelho, o vídeo está com legenda em português, e o original já está chegando a 12 milhões de views, caso queiram ver cliquem aqui .

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=A-tbEZJFxlY” width=”628″ height=”350″]

O projeto está disponível em uma plataforma de crowd-speaking chamada Thunderclap , onde não necessariamente tem projetos de produtos, mas sim ideias e conceitos que merecem ser ouvidos e divulgados por mais pessoas. Caso queira fazer parte desse movimento Phonebloks, clique aqui .

Sabemos que a proposta de Dave é altamente arriscada, pois irá incomodar poderosas empresas que vivem basicamente do nosso anseio por sempre querer o produto melhor e mais novo, e sabemos também que o produto tem uma série de questões técnicas a serem respondidas, como verificar se a ordem de encaixe dos componentes interfere na performance.

Mas isso tudo pode tornar-se o começo de um grande movimento global de pessoas cansadas de consumir por consumir, e que querem um produto alinhado com um propósito maior, e vimos que tem muita gente interessada – em apenas 7 dias quase 12 milhões de views demonstra um grande interesse sobre o assunto, vamos esperar e ver no que vai dar.

Publicidade


Vicente Carvalho
Em busca da terra do nunca.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.