Estilo

Ela conseguiu ter um corpo “perfeito” e não se sentiu feliz. Agora ajuda outras mulheres a se aceitarem como são.

por: Redação Hypeness

São comuns na internet imagens de “antes e depois“, mostrando como o exercício físico focado e uma boa dieta podem transformar os corpos. Essas imagens geralmente são vistas com olhos de admiração, mas o mesmo não aconteceu com a australiana Taryn Brumfitt, de 35 anos.

Ela, que havia passado por uma dieta rigorosa e muito exercício físico para ter um corpo tido como perfeito, resolveu aceitar seus quilinhos a mais depois do nascimento do terceiro filho e não recebeu muitas interações positivas quando postou seu “antes e depois”.

BeforeAfter

Após ter dois filhos, Taryn passou em 2012 por um projeto pesado para perder 15 kg e ter o corpo com que toda mulher sonha (ou, pelo menos, o que os padrões de beleza vigentes impõem). Mas foi em uma reflexão sobre sua filha, Mikaela, que Taryn resolveu dar adeus ao tanquinho e ao bumbum durinho. “Como posso ensinar a minha filha a amar incondicionalmente o seu corpo se eu mesma não consigo?”Taryn descobriu também que estar mais magra ou com um corpo mais escultural não mudava nada na forma como ela se via. A mudança estava na forma como ela olhava para dentro e não na aparência que ela passava para fora.

A australiana levou esse pensamento a uma esfera global e entendeu que não estava sozinha na tarefa de amar seu próprio corpo. Foi então que deu início ao movimento Body Image Movement, que busca redefinir a beleza e fazer com que as mulheres se amem, mesmo com rugas, pneuzinhos e outras características que, hoje, são vistas como defeitos pela maioria.

Afinal, como pode uma mulher detestar o corpo em que vive 24 horas por dia? Mais do que uma questão de estética, eis um problema de saúde e bem-estar mental.

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=r6-hj3nCw10&feature=youtu.be&hd=1″]

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

O movimento já está nas redes sociais e no YouTube, mas Taryn quer transformá-lo em um documentário. Para isso, conta com a ajuda do Kickstarter, a partir do qual quer arrecadar fundos para mostrar ao mundo não só a sua história, mas a importância de estar satisfeita com o seu corpo e provar que saúde não é algo limitado a horas de exercício físico diários e alimentação rígida: mas a sentir-se bem.

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

BodyMovementMãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

Mãe luta para que mulheres amem seus corpos como eles são

“Perca peso, livre-se das rugas, lute contra a celulite; nós estamos constantemente sendo obrigadas a participar de uma batalha para sermos alguém que nós não somos”, afirma Taryn.

Todas as fotos © Body Image Movement

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Crocs voltou com tudo e agora se aventura pela alta costura; acredite se quiser