Sustentabilidade

Este bairro na Alemanha é capaz de produzir quatro vezes mais energia do que a que consome

por: Vicente Carvalho

Das formas de obtenção de energia elétrica, com certeza a energia solar está entre a mais limpa, segura e abundante que conhecemos. Pois sabendo desse potencial imenso, um vilarejo em Friburgo, na Alemanha, conhecido como Schlierberg, nos mostra que realmente eles entendem e levam a sério o tema sustentabilidade.

O local é composto de 59 residências feitas de madeira e construídas apenas com materiais ecológicos, em uma área de 11 mil m² (há ainda um edifício comercial, chamado de Sun Ship – Navio Solar). A população pratica o reuso de água de chuva, usa materiais ecológicos, isolamento térmico a vácuo e um ambiente livre de carros, pois todos ficam em um estacionamento no Sun Ship.

Innenaufnahme_3

A característica que mais chama a atenção em Schlierberg é sua autossuficiência energética. Extremamente bem projetada, a vila tem telhados feitos com placas fotovoltaicas dispostos na direção correta, que como resultado geram cerca de 4 vezes mais energia elétrica do que o necessário para consumo próprio.

Tamanha eficiência proporciona a não emissão de aproximadamente 500 toneladas de CO2 na atmosfera, segundo dados do próprio arquiteto responsável pelo projeto, Rolf Disch, que projetou também para que cada casa tivesse uma cobertura simples, com beirais largos, que permitissem a presença do sol durante o inverno e protegessem as casas durante o verão.

Veja algumas imagens:

1118-00_MjgxOTIzXzI4MTkyM1o

5712sonnenschiff_fertig_frontal_a4_farblich_veraendert_kopie

Die Solarsiedlung von Westen

Plusenergiehaus_Westseite

Solarsiedlung_Dachaufsicht

Solarsiedlung_im_Hintergrund_das_Sonnenschiff

Solarsiedlung_Sonnenschiff_Penthaus

via

Publicidade


Vicente Carvalho
Em busca da terra do nunca.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Antártica bate os 20 graus celsius e tem temperatura mais alta da história