Inovação

Acessório que transforma o iPhone em monitor de glicemia chega finalmente ao Brasil

Vicente Carvalho - 03/07/2014

Quando design e tecnologia se unem, quase sempre o resultado é fabuloso, ainda mais quando o objetivo é facilitar a vida das pessoas. No caso do iBGStar, ele beneficia diretamente quem sofre de diabetes.

Trata-se de um glicosímetro compatível com o iPhone e o iPod touch, que permite ao usuário consultar a glicose do corpo onde quer que ele esteja, com apenas um gota de sangue. Com o produto, também é possível enviar os dados ao médico por e-mail, obter gráficos de tendência, que demonstram a evolução do controle glicêmico, para melhor análise e tomada de decisão médica, registrar a contagem de carboidratos, unidades de insulina (fibras), medicamentos, alimentação e atividade física, tudo isso com a ajuda de um aplicativo próprio.

A empresa que trouxe o aparelho para o Brasil foi a Sanofi, que diz que só conseguiu lançar o produto agora pois ele ficou tramitando por aprovação na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) por dois anos e meio.

Veja o produto em funcionamento em um vídeo publicado pelo Blog do iPhone:

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=94cwGRSwc3Y” width=”628″ height=”350″]

iBGStar1

iBGStar2

iBGStar3

iBGStar6

igpstar

igpstar2

O produto estará disponível para a venda ainda este mês pelo site do laboratório, com um valor estimado de R$ 250,00 e o pacote de tiras-teste com 50 unidades a partir de R$ 89,00.

Fotos e informações via Blog do iPhone 

Publicidade


Vicente Carvalho
Em busca da terra do nunca.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Primeiro carro elétrico para usuários de cadeiras de rodas que não demanda habilitação