Estilo

Mulheres seguram cartazes mostrando o que fariam diferente se tivessem nascido homens

por: Redação Hypeness

Ainda temos rastros na educação que dita, na infância, o que meninos e meninas devem fazer. Brincar de boneca é coisa de menina, carrinho, é brincadeira para os moleques.

Mas, convenhamos, não é bem assim. Depois de jovens, nossa cabeça já entende que o papai e a mamãe trabalham, portanto, a responsabilidade é dividida. Assim como outras atividades que não competem apenas a um sexo. Infelizmente, ainda vivemos em uma sociedade machista que, muitas vezes, prefere dar crédito aos homens. E por vezes as mulheres passam por algumas situações constrangedoras advindas deste pragmatismo masculino.

Pensando em um mundo igualitário, a Elite Daily questionou mulheres sobre o que elas fariam de diferente se fossem tivessem nascido no sexo oposto, em diversas situações cotidianas, com a hashtag #IfIWereaBoy (#SeEuFosseGaroto). As respostas foram também diversas, originais, animadoras e inspiradoras.

Vale a pena conferir:

#IfIWereaBoy – eu não confundiria a bondade de uma mulher com fraqueza.

if-i-were-a-boy

Uma disposição calorosa e amigável não se traduz em vulnerabilidade. Minhas palavras gentis e natureza pessoal não são um convite para o quarto”.

#IfIWereaBoy – eu apreciaria a capacidade das meninas de expressar suas emoções.

if-i-were-a-boy-2

Homens não são assim tão sortudos: eles aprendem, desde cedo, a guardar tudo dentro de si”.

#IfIWereaBoy – eu nunca diria para uma mulher “sorria”.

if-i-were-a-boy-4

Porque esta é a minha cara e ninguém tem que dizer o que devo fazer. Se eu quero sorrir, eu vou sorrir. Ninguém tem o direito de ditar meus sentimentos”.

#IfIWereaBoy – eu não assumiria que te comprar um drink significa que você está vindo pra casa comigo.

if-i-were-a-boy-5

Comprar uma bebida pode ser uma ótima maneira de quebrar o gelo, mas isso não significa que eu tenha obrigação de me ligar com você de alguma maneira. Eu sou mais do que capaz de comprar minha própria bebida, muito obrigada”.

#IfIWereaBoy – eu me educaria acerca do feminismo.

if-i-were-a-boy-6

Eu acho que, se mais pessoas tivessem tempo de compreender a verdadeira definição e motivos, a palavra deixaria de ser tão ‘feia’. Não há nada de feio acerca da igualdade”.

#IfIWereaBoy – eu trataria as meninas como um ser humano que tem de ser respeitado.

if-i-were-a-boy-7

Estamos todos juntos nisso e precisamos ajudar uns aos outras a entender o que nos faz diferentes”.

#IfIWereaBoy – eu seria cordial e lembraria de abaixar o assento (do vaso sanitário).

if-i-were-a-boy-8

Às vezes, o menor gesto, significa respeito no dia a dia. Vamos todos estar atentos uns aos outros”.

#IfIWereaBoy – eu estaria habilitada a fazer escolhas sobre meu próprio corpo.

if-i-were-a-boy-9

Somente eu tenho o direito de decidir o que fazer com o meu corpo: o tipo de controle de natalidade que eu uso, ou quando e SE eu tenho relações sexuais. Os homens não têm que se preocupar com o governo decidir se eles podem ou não fazer um aborto”.

#IfIWereaBoy – eu nunca usaria a frase “como uma menina” como um insulto.

if-i-were-a-boy-10

“Muitas vezes, qualidades femininas – coisas como sensibilidade, empatia e vulnerabilidade – aparecem com conotações negativas.

Os homens suprimem estas qualidades em nome de ‘ser homem’, e eles se desvalorizam ainda mais. Além disso, se eu for jogar ‘como uma menina’, vai ser o melhor jogo que você já viu”.

#IfIWereaBoy – eu pararia de postar memes degradantes sobre as mulheres nas mídias sociais.

if-i-were-a-boy-11

Eu nunca vou entender a razão por que os caras postam imagens insultando as mulheres e achando que, de alguma forma, elas vão achar que eles merecem respeito nas mídias sociais ou fora delas”.

#IfIWereaBoy – eu manteria minhas mãos comigo mesma.

if-i-were-a-boy-12

Uma das coisas mais inaceitáveis que um homem pode fazer é apalpar uma mulher contra a vontade dela. O corpo da mulher é um templo e os homens não têm o direito de tocá-lo, a menos que haja consentimento para isso”.

#IfIWereaBoy – eu teria um tempo para ter uma conversa.

if-i-were-a-boy-13

Dar meu número de telefone não é um sinal verde para me mandar uma mensagem à 1 hora da manhã para ter uma ‘conversa’ ou ‘pedir-me para sair’. Realmente, é muito mais interessante um cara que quer me conhecer pessoalmente do que através de uma tela”.

Todas as fotos © Elite Daily

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Diana: a princesa do povo que se tornou também ícone fashion