Inovação

Vídeo mostra os contraceptivos mais estranhos usados por mulheres ao longo da História

por: Vicente Carvalho

Desde o começo dos tempos, as mulheres têm tentando decidir se e quando querem ter um filho, pois isso tem impacto direto e definitivo em suas vidas. Atualmente, existem métodos contraceptivos extremamente eficazes para auxiliar as mulheres nesse processo.

Desde camisinha, DIU, espermaticida, diafragma, pílula anticoncepcional até a ligadura de trompas. Mas e quando não existiam esses métodos? As mulheres davam um jeito, e com isso apareciam técnicas caseiras um tanto quanto bizarras (e quase todas ineficientes).

Por exemplo, no Egito Antigo, as mulheres introduziam esterco de crocodilo com mel na vagina logo após o sexo, enquanto no Canadá, por volta de 1500, era usado testículo de castor junto com mooshine (um licor contrabandeado ilícito) como forma de prevenir a gravidez. Ou ainda o primeiro “protótipo” de camisinha de que se tem notícia, que era feito com intestino de porco ou um dos mais recentes, por volta da década de 60, em que as mulheres americanas usavam Coca-Cola na vagina como forma de eliminar os espermas que ficavam após o sexo.

Aperte o play e confira isso mesmo no vídeo abaixo:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=3_SoFPd-WIk” width=”628″ height=”350″]

O vídeo faz parte da campanha “WTFP?! Where’s the Family Planning?!” (em tradução livre, “Cadê o plano familiar?”) da Engender Health, uma entidade sem fins lucrativos que auxilia a vida de homens e mulheres a respeito do plano familiar, maternidade saudável e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis.

contraceptivos

contraceptivos2

contraceptivos3

contraceptivos4

contraceptivos5

contraceptivos6

contraceptivos7

contraceptivos8

contraceptivos9

Todas as fotos: Reprodução

Publicidade


Vicente Carvalho
Em busca da terra do nunca.


X
Próxima notícia Hypeness:
Trilha sonora da vida: versão premium do Resso traz downloads ilimitados e catálogo completíssimo