Inovação

6 intervenções incríveis feitas debaixo do mar

por: Redação Hypeness

Patrocinado por:

Publicidade Anuncie

O oceano é fascinante. Existe uma certa magia que faz com que nos perguntemos sempre como é de fato aquele universo todo que existe num meio ambiente no qual não podemos sobreviver por mais do que alguns minutos. Essa fascinação fez com que alguns artistas e empresas escolhessem o mar como cenários para suas obras e produção.

Reunimos no post de hoje 6 intervenções criadas debaixo d’água. Confira:

1) Escultura Submersa Gigante

Quem for nadar na região de Nassua, nas Bahamas, irá se deparar com uma escultura gigante chamada de Ocean Atlas. Criada por Jason de Caires Taylor e instalada no local no começo de outubro, a peça é uma garota que parece estar “segurando” o teto do oceano.

Medindo cinco metros de comprimento, quatro de largura e pesando 60 toneladas, esta é a maior escultura já colocada no fundo do mar. Criada com um material de pH neutro e instalada em camadas, a peça irá funcionar como um recife artificial para a vida marinha da região. A Ocean Atlas demorou um ano para ser construída e foi criada com a ajuda de uma máquina de corte controlada por computador.

Ponto1

Ponto12

Ponto13
Fotos © Jason de Caires Taylor

2) Exposição fotográfica debaixo d’água

O austríaco Andreas Franke é fotógrafo há 20 anos e, há pelo menos 5, sua experiência tem sido um tanto fora do convencional com exposições debaixo d´água!

Amante do mergulho, Andreas, em uma de suas expedições, encontrou um navio no fundo dos mares da Flórida e em 2011 surgiu seu primeiro projeto fotográfico subaquático chamado Vandenberg Project.

Ponto2

Ponto22

Ponto23
Fotos © Andreas Franke

3) Grávidas mergulhadoras

Muitas futuras mamães costumam fazer ensaios fotográficos com o barrigão, que eventualmente irá sumir. Entre muitas poses, cenários e companhias, as grávidas registram o momento especial com a ideia de eterniza-lo. Pensando em inovar, o fotógrafo Adam Opris as levou para dentro d’água, criando fotos diferentes de tudo o que já vimos para a série Underwater Maternity.

Ao estilo sereia, as mães aparecem submersas na água com vestidos e cabelos em movimento, mostrando orgulhosamente suas barrigas às lentas do fotógrafo, em um cenário que transmite paz e muita luz. Algumas imagens mostram outros membros da família, como o futuro papai ou os demais filhos.

Ponto31

Ponto32

Ponto33
Fotos © Adam Opris

4) Parque submerso

Depois que o mergulhador suíço Marc Henauer ouviu sobre o parque submerso que fica em Tragoess, na Áustria, ele decidiu conhecê-lo e o resultado foram essas fotos absolutamente mágicas. Assim que a temperatura sobe, e que a neve começa a derreter na região, uma lagoa de águas cristalinas surte e inunda a área de um parque, deixando até mesmo as árvores absolutamente submersas. O nível da água chega até 12 metros de profundidade.

Segundo o mergulhador de 39 anos: “Quando eu estava debaixo d’água, era como se eu estivesse nadando num mundo mágico, era muito bonito. Nadar por cima da grama verde, das flores, das trilhas, das pedras e das árvores era como estar num conto de fadas.” O resultado dessa experiência foi esse vídeo que dá vontade de arrumar as malas e a roupa de mergulho e repetir a experiência do suíço:

Green Lake – Tragoss from  on Vimeo

5) Alice no País das Maravilhas debaixo d’água

Debaixo d’água o mundo adquire novas formas, a partir da luz, da gravidade e das diferentes cores. Diferente também foi o lugar em que se viu Alice, na obra de Lewis Carrol, ao cair no buraco da toca do coelho em uma quente tarde de verão. Sob as águas das Bahamas, a fotógrafa Elena Kalis recriou a obra “Alice no País das Maravilhas”, unindo os elementos lúdicos da história à beleza do mar.

A série, chamada “Alice in Waterland” (“Alice no País das Águas”, em tradução livre) conta com a participação de Sacha, filha da fotógrafa. Além de viver próxima ao oceano desde pequena, a garota tinha 10 anos, a mesma idade da personagem do livro, no início do projeto. A série fotográfica levou dois anos para ficar pronta.

Ponto41

Ponto42

Ponto43
Fotos © Elena Kalis

6) Pesquisas de Sistemas Submarinos de Produção da GE

E por falar em tanta coisa bacana acontecendo nas profundezas do mar, viemos contar também sobre um trabalho realizado pela GE, que está levando para o fundo do mar toda a estrutura de extração de petróleo e gás.

Levar uma plataforma de petróleo para debaixo do mar não é nada fácil, pois é preciso lidar com aumentos e diferenças das temperaturas e pressão. Para tornar isso possível, uma série de tecnologias inovadoras está sendo desenvolvida no Centro de Pesquisas da GE no Brasil pelos pesquisadores de petróleo e gás.

Parte do trabalho é migrar os sistemas de separação para o fundo do mar. Em termos simplificados, é o processo de limpar o petróleo bruto, retirando água e gases que vêm junto com ele.

O desafio é grande e parece até ficção científica. Mas vendo tudo isso de perto a gente percebeu que isso é o que move o pessoal por lá. Afinal, como eles mesmos dizem, se dá para imaginar, dá para fazer.

Ponto5

Quer saber mais sobre o que a GE do Brasil está desenvolvendo no seu Centro de Pesquisas? Confira os Postais do Futuro e veja como a tecnologia vai mudar nossa vida.

Publicidade Anuncie


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Este app de realidade virtual permite que você veja um gato por dentro