Inspiração

Neste zoológico chinês, é você quem fica preso enquanto os animais passeiam

por: Redação Hypeness

Na teoria, somos todos livres por natureza. Ao ir a um zoológico, nota-se o seguinte: faz mais sentido levar animais selvagens para uma gaiola ou colocar os humanos no espaço delimitado para observá-los? Pensando nisso, o Lehe Ledu Wildlife Zoo, na cidade de Chongqing, na China, virou o jogo e colocou os animais na situação contrária, ficando livres no território enquanto os espectadores ficam presos.Na teoria, somos todos livres por natureza. Ao ir a um zoológico, nota-se o seguinte: faz mais sentido levar animais selvagens para uma gaiola ou colocar os humanos no espaço delimitado para observa-los? Pensando nisso, o Lehe Ledu Wildlife Zoo, na cidade de Chongqing, na China, virou o jogo e colocou os animais na situação contrária, ficando livres no território enquanto os espectadores ficam presos.

Sendo assim, a experiência é ainda melhor, porque dá pra observar os animais como tigres e leões bem de perto. Ao mesmo tempo, deixa as pessoas engaioladas e as fazem refletir como é ficarem presos.

O passeio é feito com um caminhão que carrega os visitantes por todo o parque. Os donos do zoo queriam levar uma experiência diferente ao público, fazendo com que fossem stalkeados e até mesmo atacados pelos bichos, só que sem risco algum.

The tables have turned on zoo-goers in China — where people are paying to be locked in cages while hungry lions and tigers stalk their every move.
The Lehe Ledu Wildlife Zoo in Chongqing city is giving people the hair-raising chance to learn what it’s like to come face to face with an apex predator, Central European News reports.
Visitors are forking over their cash to be caged inside the back of a truck as it makes its way through the animal park. Just to make sure they get the attention of the beasts, huge chunks of raw meat are tied to the bars to lure them as close as possible.
“We wanted to give our visitors the thrill of being stalked and attacked by the big cats but with, of course, none of the risks,” said zoo spokeswoman Chan Liang. “The guests are warned to keep their fingers and hands inside the cage at all times because a hungry tiger wouldn’t know the difference between them and breakfast.”
The chilling, once-in-a-lifetime experience has been a hit with visitors — the trips have been sold out for the next three months, according to CEN.
“It’s like nothing I’ve ever experienced before in a zoo,” said visitor Tao Jen. “We’re not looking at them, they’re looking at us — and we’re lunch.”

Sendo assim, a experiência é ainda melhor, porque dá pra observar animais como tigres e leões bem de perto, colocando os visitantes mais próximos da vida selvagem. Ao mesmo tempo, deixa as pessoas engaioladas e as faz refletir sobre a sensação de viver preso. O passeio é feito com um caminhão que carrega os visitantes por todo o parque.

Os donos do zoo queriam levar uma experiência única e diferente ao público, fazendo com que fossem stalkeados e até mesmo atacados pelos bichos, só que sem risco algum. O sucesso da ideia já é tamanho que os ingressos estão esgotados pelos próximos três meses. “Não estamos olhando os animais, eles estão nos olhando – e nós somos o almoço”, contou o visitante Tao Jen ao Central European News.

E você, toparia? Olha só as fotos:

Best Zoo Visit Bar None

Best Zoo Visit Bar None

Best Zoo Visit Bar None

Best Zoo Visit Bar None

Best Zoo Visit Bar None

Todas as fotos © Europics

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Restaurante abre fora de expediente para atender menina de 3 anos com leucemia