Sustentabilidade

Vídeo ensina como ter água potável em casa sem depender do Governo

Redação Hypeness - 20/02/2015

Uma regra fisiológica fundamental é que os humanos suportam só 3 dias sem água. Porém, quando o governo de São Paulo discute sobre o inevitável racionamento, já se fala num possível rodízio 5 por 2. Cinco dias sem abastecimento de água é um grande risco para quem não se preparar minimamente. Cabe bem neste momento esclarecer que já não é mais só uma questão de sustentabilidade, e sim de sobrevivência. Nesta hora, tudo é válido e nem uma gota pode ser perdida ou ignorada (nós fizemos uma previsão de como seria sua vida numa SP sem água, veja aqui).

Como já está sendo possível notar, o governo não parece estar muito preocupado em tomar medidas drásticas para ajudar a reverter essa situação caótica que estamos vivendo. Por isso, quanto mais você conseguir garantir seu estoque de água, melhor. Para poder atravessar este período de seca, existem algumas lições valiosas – a primeira delas é que, com 3 litros de água por dia, você não morre, mas vai ter uma existência miserável. A conta dos especialistas em sobrevivência não leva em consideração a higiene pessoal, descargas, plantas, animais de estimação, então você tem de estar preparado para armazenar bem mais que 3 litros por pessoa por dia, sendo o ideal mínimo de 15 litros por membro da família, 3 para animais e todo o possível que sobrar para as plantas e higiene.

A pior coisa que pode acontecer num cenário de racionamento é você conseguir acesso a água e não ter onde guardar. Em um primeiro momento vale tudo, panelas, máquina de lavar, banheira, mas depois com o tempo você sentirá necessidade de controlar melhor seu consumo, e nada é melhor para armazenar água potável do que garrafas PET. Mas cuidado – se seu suprimento ficar exposto a luz solar direta por muito tempo, você corre o risco de encontrar uma garrafa com lodo.

Dá uma olhada nos vídeos abaixo sobre como fazer um filtro caseiro e 4 formas simples de purificar água:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=z5RDw33-ncM”]

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=qsbY_Wo_yfc”]

Para água não potável, aquela que você usa pra banho, limpeza e higiene no geral, tente reutilizar e reaproveitar ao máximo. Guarde toda a água usada que puder e dê um novo destino. Você pode usar um filtro de carvão para retirar o sabonete da água do banho e regar as plantas, usar água da máquina de lavar na privada e, melhor ainda, aproveitar para coletar água da chuva. Neste caso a regra é a da piscina, água sem cloro estraga.

Não importa onde você está, ou onde mora, mosquitos e outras criaturas que causam doenças vão morar em águas não protegidas, então se você não quer compartilhar sua água com mosquitos, feche bem as embalagens, cubra baldes e piscinas e tenha sempre um pouco de água sanitária em casa.

Caso sua região esteja em um racionamento severo, fique ligado em rádios e noticiários locais, amplie sua rede de informação e procure se informar sobre o que parentes e amigos pretendem fazer caso a coisa se torne feia demais.

Sou editor de um canal de sobrevivencialismo há alguns anos e tive contato com muitos relatos de pessoas que foram gradativamente vendo a situação piorar e por acreditar que “algo” ia mudar não tiveram iniciativa de se preparar. Quando perceberam, era tarde demais e estavam encrencadas. Não é diferente com a água e esta pode sim se tornar uma experiência de sobrevivência na civilização – se perceber que a situação fugiu do controle, peça ajuda. Parece extremo demais? Lembre-se: 3 dias sem água, ainda mais nesta época que faz calor, é o limite que o organismo humano tolera e o governo já fala de um racionamento de 5 dias.

Preparo prévio é sempre a melhor receita para enfrentar crises.

post por  Guia do Sobrevivente.

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
‘Prosa’ traz o racismo para o debate das questões ambientais e de mudanças climáticas