Sustentabilidade

Vídeo mostra a reação de crianças ao descobrirem a quantidade de fruta em seus sucos

por: Redação Hypeness

Você sabe o que tem nos sucos de caixinha? Acha que eles são mais saudáveis que refrigerantes? Acredite, você e sua família podem estar ingerindo açúcar, diversos conservantes e baixíssimas quantidades de frutas, através de sucos industrializados. É isso que mostra o vídeo “Agite(-se) antes de beber”, desenvolvido pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (IDEC).

No vídeo as crianças são questionadas sobre os sucos que consomem. Será que elas sabem o que tem dentro da embalagem de cada um? Elas não fazem ideia e, ao lerem o rótulo, se deparam com palavras estranhas (o surreal é que “ácido” é a mais comum), dentre uma infinidade de nomes desconhecidos que mais parecem medicamentos do que algo para crianças beberem no café da manhã. Além disso, todas ficam intrigadas ao notar o ingrediente suco de maçã em todos os sucos (mesmo os de morango, abacaxi ou uva). “Suco de maçã em suco de uva? Não faz sentido!” diz uma das crianças, que não precisa entender nada de nutrição para saber que algo está errado nisso.

Confira abaixo a reação das crianças ao descobrirem o conteúdo dos sucos:

Ao beber a maioria desses sucos, estamos consumindo muita açúcar, muitos conservantes e corantes e pouca fruta. A maioria deles não possuem o teor de poupa ou suco da fruta exigidos por lei. A solução é trocar os sucos de caixinhas por sucos naturais ou água, ler os rótulos antes de comprar o produto, e preferir os que têm rótulos menores com menos conservantes.

sucos

suco menino 3

menino-ok

suco menina

menino-olhando-suco

menina-ok

suco-maca

SucoE2

SucoE1

mae-filha

SucoE

rotulo

suco agite-se

Todas as imagens: Reprodução YouTube

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Califórnia quer incluir abelhas entre espécies nativas protegidas