Inovação

Cuba elimina transmissão de HIV de mãe para filho em feito histórico

Redação Hypeness - 02/07/2015 às 08:56

Quando uma mulher portadora de HIV engravida, ela tem até 45% de chances de transmitir o vírus para o bebê, caso não faça um tratamento antirretroviral. Mas em Cuba, esse número chega a praticamente zero, já que por lá todas as mulheres soropositivas recebem o tratamento em unidades públicas de saúde. O país foi o primeiro do mundo a eliminar a transmissão de HIV e de sífilis de mãe para filho.

Um comitê da Organização Mundial de Saúde (OMS), composto por 14 especialistas independentes, comprovou e anunciou o feito, que é resultado da ampla cobertura de saúde do país. “Isso permitiu que um país com poucos recursos tenha feito estas conquistas“, afirmou Roberto Morales Ojeda, ministro da Saúde de Cuba, em referência ao que chamou de vontade política. Segundo a OMS, Cuba apresenta hoje uma taxa inferior a 2 bebês infectados a cada 100 nascimentos, o que configura a extinção da transmissão, já que 2% é a taxa mínima prevista, dados os métodos de prevenção existentes.

Vale lembrar que a primeira vacina de câncer de pulmão do mundo também foi desenvolvida por lá – saiba mais aqui. Talvez seja hora de rever alguns conceitos sobre Cuba, hein?

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=hapyISRDhbc”]

cuba-hiv

cuba-hiv2

cuba-hiv3

cuba-hiv4

Todas as fotos © CPS

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness