Inspiração

5 lugares incríveis que você não sabia que se escondiam na região da Paulista/Augusta

por: Redação Hypeness

Emblemática, a Av. Paulista é onde tudo, literalmente tudo, pode acontecer. O mesmo pode ser dito da Rua Augusta, região mais democrática e mais falada de São Paulo, onde todas as tribos se reúnem, trabalham e se divertem. Mas, mesmo que sejam tão faladas, será que você conhece bastante esses territórios?

O Hypeness selecionou cinco lugares que mostram alguns cantos na região ainda pouco conhecidos pela maioria. Entre bares, antiquários, lojas, espaços culturais e até mesmo espaços verdes, existe muito a se descobrir em lugares que podemos pisar diariamente e ainda assim não conhecer tudo.

O entorno da Paulista pulsa tanto quanto a avenida, já que funciona como ligação entre os bairros Jardins, Bela Vista e Centro.

gafisa1

gafisa2

Então saiba como aproveitar o melhor da região:

1. Mirante 9 de Julho

A Av. 9 de Julho tem dois mirantes que, até então, eram desconhecidos pela público e até pela Prefeitura. A partir do dia 23 de agosto, começa a funcionar o Mirante 9 de Julho, espaço logo atrás do MASP, antes ocupado por moradores de rua. Por iniciativa privada, o local passou por reformas intensas para se transformar num espaço multicultural, que reunirá café, restaurante, cinema ao ar livre e shows. Saiba mais aqui.

Mirante

2. Casa Amarela 

Uma enorme casa amarela na rua da Consolação era terra de ninguém e agora é um espaço de ocupação artística. No local, coletivos se esforçam para manter em pé a programação de  exposições, oficinas e ensaios teatrais e musicais, tudo em nome da arte. A ideia é promover aos domingos uma feira orgânica, que teve sua primeira edição em agosto deste ano.

Casa Amarela

3. Horta do CCSP 

O Centro Cultural São Paulo é um dos espaços mais legais da cidade e fica do ladinho da Av. Paulista. Além de ter espaço de sobra para quem quer trabalhar, estudar, dançar e o que mais vier à tona, tem em seu terraço um jardim suspenso maravilhoso. Seja para tomar um sol ou jogar conversa fora, ele está ali para uso público e ainda sedia uma horta comunitária.

CCSP

4. Vila Itororó

Próximo a Av. 23 de Maio, a Vila “Surreal”, como é conhecida, foi reaberta ao público durante seu período de obras. A vila foi construída entre 1922 e 1929, havendo 37 edificações e um palacete. Há muitas relíquias arquitetônicas restantes para se ver e se encantar, em visitas pelo canteiro, acompanhadas por arquitetos.

Vila Itororo

5. Escadaria do Jazz 

A escadaria que liga as ruas 13 de maio e dos Ingleses era usada somente para passagem atém que foi ocupada por criativos. E ainda bem! Assim nasceu a Escadaria do Jazz, evento dedicado ao jazz e blues no emblemático Bixiga, reunindo pessoas interessadas em ouvir um bom som, assim, grátis e no meio da rua.

Escadaria do Jazz

Todas as fotos: divulgação 

Oferecimento: Gafisa

Com tantas coisas interessantes para olhar, conhecer e explorar, viver próximo à Av. Paulista e R. Augusta se torna um privilégio sem tamanho. Por isso, a Gafisa escolheu essa região e apresenta o Vision Paulista!

Um espaço que reúne tendências e cria um estilo autêntico de morar. A criatividade do Vision Paulista se revela através do talento de Loro Verz e os moradores poderão personalizar seu ap. com ilustrações exclusivas do artista plástico.

Para dar ainda mais personalidade ao projeto, a Gafisa faz a festa de inauguração do apartamento com a ação Open House, decora com exclusividade um dos cômodos com o House Up Gafisa e ainda oferece inúmeras vantagens na região com o Programa Gafisa no Pedaço.

A vida acontece quando você mora no lugar certo. Acesse o site da Gafisa!

selo artigo patrocinado

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Vocês roubaram este bebê’: família sofre preconceito diário por ter adotado bebê branco