Empreendedorismo

Designer cria calcinha que pode ser trocada sem precisar tirar toda a roupa

por: Redação Hypeness

A norte-americana Helya Mohammadian desenvolveu uma ideia que pode ajudar muitas mulheres em apuros. Ela criou uma marca de roupas íntimas que apresenta soluções para a correria do dia a dia: calcinhas que podem ser removidas sem a necessidade de tirar calças e sapatos.

Graduada pelo Fashion Institute of Technology, em Nova York, Mohammadian teve o insight após sair de uma aula de ciclismo indoor. Ela queria trocar sua roupa íntima após a atividade e se incomodou com o fato de ter que pegar uma fila no banheiro, tirar suas roupas e, por fim, trocar a peça. Ela desenvolveu modelos de calcinhas que possuem fechamento de ganchos nas duas laterais, podendo ser removidas facilmente sem tirar a roupa, resultando na marca Slick Chicks.

Fabricadas na cidade de Nova York, as calcinhas levam uma combinação de nylon e spandex, e contam com forro 100% algodão natural. O tecido antimicrobiano possui rápida absorção, promovendo proteção e conforto.

A criadora explica que a calcinha é uma solução discreta para situações em que você não pode encontrar facilmente um banheiro: “Ninguém vai saber”, sugere. Assim, a troca da peça possa ser feita em qualquer lugar, auxiliando, por exemplo, gestantes ou portadoras de deficiência.

Mohammadian diz que sua empresa é destinada a capacitar as mulheres para se tornar superindependentes.

Para conhecer os modelos e adquirir sua peça clique aqui.

calcinha8

Helya Mohammadian. Foto via

calcinha2

Foto via

calcinha1

Foto via

calcinha4

Foto via

calcinha7

Foto © Roohi Photography

calcinha3

Foto © Roohi Photography

calcinha5

Foto © Roohi Photography

calcinha6

Foto © Roohi Photography

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Trabalho por conta própria bate recorde e número de MEIs ultrapassa 9 milhões