Inovação

Como a invenção dessa menina de 15 anos pode mudar a forma como usamos os oceanos

por: Redação Hypeness

Doze dólares. É disso que uma estudante de 15 anos precisa para criar um mecanismo que transforma o movimento das ondas do mar em energia suficiente para mover um dessalinizador, que torna potável a água salgada.

A norte-americana Hannah Herbst provavelmente é a cientista mirim com maior potencial no país. Afinal, ela foi vencedora de um concurso de inovação que reuniu jovens de todos os estados norte-americanos. Não é a toa que seu projeto foi o escolhido: além de usar recursos mínimos, é um sistema funcional e sustentável.

Usando uma impressora 3D, ela conseguiu criar um propulsor, que conectado a um gerador hidroelétrico converte a energia do movimento em eletricidade. Embora o sistema não seja poderoso o suficiente para abastecer uma casa, por exemplo, ele dá conta de uma máquina simples, como um dessalinizador.

A ideia surgiu quando Hannah se correspondia por cartas com uma menina de 9 anos moradora da Etiópia. Ao saber que por lá água potável e energia não são recursos amplamente disponíveis, a estudante norte-americana logo começou a pesquisar formas de facilitar o acesso a isso, usando meios sustentáveis.

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=Wfait9vsNoA”]

cientista-mirim

cientista-mirim2

cientista-mirim3

Fotos © Discovery Education 3M Young Scientist Challenge

[Via Fast.Co]

FaixaCursoHype1

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Você sabia que o ensino de educação financeira é obrigatório nas escolas?