Sustentabilidade

Como este aplicativo quer acabar com as mensagens de ódio e racismo nas redes sociais

por: Redação Hypeness

Patrocinado por:
Notice: Undefined index: facebook_titulo in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/single.php on line 90

A internet está cheia de valentões que acreditam piamente que a tal liberdade de expressão lhes garante o direito de dizer o que bem entenderem, mesmo que isso ofenda outras pessoas ou grupos. Assim, entre bordões como “direitos humanos para humanos direitos“, eles espalham ódio pelas redes sociais e seções de comentários de portais, anunciando suas “verdades”. Mal sabem eles, contudo, que seus dias de (aparente) glória podem estar contados.

O Laboratório de Estudos em Imagem e Cibercultura da Universidade Federal do Espírito Santo desenvolveu, a pedido do Ministério das mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, um aplicativo que monitora mensagens de ódio na internet e fornece informações sobre os valentões, ajudando na punição e educação. Chamado de “Monitor de Direitos Humanos“, o aplicativo realiza buscas contínuas por palavras-chave relacionadas à violência contra mulheres, racismo, homofobia e transfobia.

Os dados captados pela ferramenta são disponibilizados online, tornando mais fácil perceber a dimensão do problema e ajudando a identificar e a punir os autores e pessoas que compartilham as mensagens.

Não fique calado frente ao ódio nas redes sociais. Canais como o site da Safernet e o Canal do Cidadão do MPF recebem denúncias e podem te ajudar a lidar com situações assim.

cyberbullying

Foto © ThinkInclusive

cyberbullying2

Foto © Emmanuel Orain

Via EBC

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
5 dicas para fazer um queijo vegano saboroso, realmente saudável e nutritivo