Inspiração

Por que este juiz gaúcho decidiu formar uma banda com jovens que ele mesmo condenou

Redação Hypeness - 05/11/2015

A função de um juiz se resume a entender uma situação envolvendo um crime e decidir se o réu é culpado ou não, certo? Não para o magistrado da Vara de Infância e Juventude de Passo Fundo (RS), Dalmir Franklin de Oliveira Júnior, 39. Ele não só entende que a punição não é a única solução para recuperar jovens infratores como se dispõe a contribuir para isso aconteça.

Músico e fã de bandas como Engenheiros do Hawaii e Titãs, o juiz fundou no pátio do Case (Centro de Atendimento Socioeducativo) uma banda para tocar com os jovens que ele mesmo condenou. O projeto, que se chama Liberdade, conta com cerca de 25 jovens infratores, que têm acessos a instrumentos musicais (doados por Oliveira) e aprendem noções básicas de teoria musical e prática dos instrumentos.

O repertório é composto basicamente de rock, mas a banda costuma abrir exceções para algumas canções sertanejas, as favoritas dos jovens. Além dos aplausos em apresentações, os garotos que participam do projeto ganham em responsabilidade, distração e diversão. O juiz nunca teve qualquer problema e está dando um exemplo de como a música, a arte e a humanidade são formas de recuperação mais poderosas do que o simples castigo, repressão ou vingança.

O único ser que se reúne para tocar um instrumento é o humano. Por isso, ali eles se sentem mais humanos”, explicou Marcelo Pimentel, que dá aulas de percussão no projeto.

banda-liberdade

Foto © Ajuris

banda-liberdade2

Foto © Case Passo Fundo

banda-liberdade3

banda-liberdade4

banda-liberdade5

banda-liberdade6

[Via Folha de S.Paulo]

FaixaCursoHype2

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Maternidade real: 4 grupos do Facebook para buscar relatos, trocas e acolhimento