Inspiração

10 mulheres empoderadas que em 2015 provaram que vale a pena lutar

por: Redação Hypeness

Fizemos uma seleção de mulheres que deixaram sua marca em 2015 pela busca da igualdade de gêneros. Elas foram corajosas, feministas e muito, mais muito, empoderadas e inspiradoras!

Vale a pena relembrar:

1. Catharina Doria

Com apenas 17 anos, ela criou um app que faz um mapa de assédios pelas ruas do Brasil. O “SaiPraLá” permite que mulheres marquem onde e como foram assediadas – tudo no mais completo anonimato. Em 5 dias de funcionamento, o app recebeu nada menos que 373 denúncias de assédio físico e 2480 de assédio verbal vindas de diversas cidades do país.

mulheres1

Foto: © SaiPraLá

2. Panmela Castro

Ela quebrou paradigmas e passou a usar o graffiti para combater a violência contra a mulher. Aos 34 anos, a artista plástica estampa na parede temas como assédio, aborto e feminismo. Venceu um casamento perturbado e hoje está à frente de um projeto que usa da arte urbana para ajudar mulheres em situação de vulnerabilidade.

panmela-castro10

Foto: © Arquivo Pessoal Panmela Castro

3. Clarice Falcão

Linda, engraçada e inteligentíssima, Clarice já conquistou nossa simpatia já faz tempo. E não é de hoje que ela levanta bandeiras feministas. Este ano ela lacrou a internet quando fez um cover da famosa “Survivor”, da banda Destiny’s Child a fim de fazer um manifesto pelo gênero feminino: uma demonstração de força e poder.

ClariceVideo2

Foto: Reprodução Youtube

4. Sávia Barreto

Como não se lembrar da jornalista que saiu com a cara e com a coragem pelas ruas de Teresina (PI) para mostrar que, em menos de 2 horas, ela recebeu 15 diferentes tipos de agressões verbais. Tudo isso em uma simples caminhada. Sim, ela mostrou para todo o mundo o que acontece com muitas mulheres todos os dias. E que isso não é normal, muito menos engraçado.

assedio-teresina6

Foto: Reprodução Youtube

5. Sisa Abu Daooh

Aos 42 anos, esta egípcia se passou por homem durante 42 anos para poder trabalhar e sustentar a filha. Quando seu marido morreu, ela se viu sozinha, com uma criança para criar, em um país em que, na época, mulheres não podiam trabalhar.

egipcia-homem2

Foto: © Bryan Denton/NY Times

6. Sophia Trow

Esta pequena inglesinha de apenas 8 anos acredita que meninos e meninas gostam de dinossauros, gatinhos e tudo mais o que eles quiserem. Pensando nisso, pediu que sua mãe fosse até uma loja e comprasse um par de tênis incrível da linha Stomposaurus. Só que a vendedora não deixou que ela comprasse o modelo, pois afirmou que a linha é só para meninos. Indignada, Sophia escreveu uma carta e deu uma lição de moral para todo mundo que acha que existe coisas “só para meninos”.

sophia-dinossauros

Foto: © NNP

7. Elonë

Ela deu um show na Semana da Mulher e espalhou pelas ruas da Alemanha absorventes com mensagens feministas. As frases são simples e claras e dizem coisas como “Imagine se os homens tivessem tanto nojo de estupro quanto eles têm de menstruação”.

absorvente7

Foto: © Elonë

8. Emma Holten

Aos 17 anos esta ativista dinamarquesa postou fotos nua para combater a “vingança pornô” feita por seu ex-namorado. E ela afirmar: “Isso não é apenas para que eu me sinta melhor. É sobre problematizar e experimentar os papéis apresentados pela maioria das mulheres quando posam nuas”.

EmmaHolten_extra2

Foto: © Cecilie Bødker

9. Setsu Shigematsu

Essa professora criou uma série de princesas que vão muito além de um rostinho bonito para mostrar a sua filha um modelo mais forte e realista de mulher. São sete meninas de todas as etnias, cada uma delas responsável por proteger algum elemento da natureza.

mulheres2

Foto: reprodução.

10. Aniela McGuinness

Ela lutou fortemente para superar um câncer de mama e fez um ensaio incrível como uma maneira de encarar sua mastectomia. A remoção dos seios foi encarada com uma boa dose de bom humor pela atriz, e assim inspirou mulheres no mundo inteiro.

breast5

Foto: Reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
As maravilhas e doideiras que aprendi em duas aulas sobre cafés especiais