Arte

Conheça a arte contestadora do brasileiro que largou a família rica para viver nas ruas

Redação Hypeness - 17/12/2015 | Atualizada em - 13/12/2018

Eduardo Marinho estudou nas melhores escolas e sempre teve muito conforto. Foi bancário, militar, estudante de direito. Mas esse conjunto social o sufocava. Saiu de casa para buscar um sentido para a vida e experimentar o que era não ter nada. Chegou a morar na rua e dormir em cima papelão. E toda essa experiência reflete hoje em seu trabalho como artista.

A maneira como Eduardo Marinho se expressa fez com que ele ficasse conhecido como artista plástico e filósofo das ruas. Todos os trabalhos com uma boa dose de contestação sobre os valores da nossa sociedade. “A maioria não tem nada e vive tranquila! Como é que eu olho a minha volta e a classe abastada morre de medo de perder tudo?”, diz ele.

Eduardo conta que começou a usar a arte para dizer o que pensa, mas mesmo assim não se considera um grande artista, pois não possui técnicas evoluídas. Já foi convidado para expor em galerias, mas conta que prefere ganhar menos e continuar na rua, onde tem uma vida mais rica pelo contato com diferentes pessoas.

Uma história e uma obra impressionante para te inspirar, olha só:

Veja abaixo as obras de Eduardo e veja assista também alguns de seus vídeos inspiradores, como a palestra no TedTalks:

eduardo19

eduardo152

eudardo12

eduardo14

eduardo13

eduardo11

eduardo7

eduardo6

eduardo8

eduardo10

eduardo1

eduardo2

eduardo3

eduardo4

eduardo9

eduardo16

eduardo17

eduardo18

Foto © Sergio Silva

Eduardo no TEDx Talks:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=Nmob5e4ceJE”]

No ENEJ:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=V64_fLAVqR0″]

O primeiro vídeo gravado por estudantes de jornalismo:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=1hgZKHkG120″]

Confira mais no seu blog Observar e Absorver.

Outras fotos: Reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.