Inspiração

Jovem com marca de nascença abandona a maquiagem que usou durante 14 anos pra esconder o rosto

por: Redação Hypeness

As pessoas são diferentes nesse mundo, mas tem gente que não aprendeu a respeitar isso ainda. A história de Lauren Foster, uma inglesa de 20 anos, crescida em Liverpool, é uma prova disso mesmo. Mas a boa notícia é que ela está sendo usada para ajudar a transformar a sociedade.

Nascida com uma mancha vermelha profunda no rosto, desde seus seis anos, Foster se acostumou a cobrir o rosto com maquiagem com medo do bullying que sofreria na escola (e após os primeiros problemas com ele). Sua marca de nascença é conhecida como mancha vinho do porto, que acontece por conta de vazos sanguíneos anormais que aparecem sob a pele ou malformações capilares que se revelam desta forma. É uma doença rara que afeta 1 em cada 1000 bebês no Reino Unido por ano.

Durante toda sua vida, a realidade era esta:

lauren

Mas o que Lauren mostrava era isto:

lauren2

Foi mais de metade da vida passada a esconder algo tão próprio e importante no nosso corpo: o rosto. “Algumas pessoas se esforçavam para fazer contato visual comigo enquanto outras preferiam simplesmente não conversar“, conta Lauren.

Após muitas tentativas ao longo dos anos – sim, a maquiagem nem sempre conseguia esconder absolutamente tudo -, Lauren finalmente encontrou uma forma que assentava na perfeição (ver foto acima). Mas, adivinha só? Foi precisamente aí que ela entendeu que é possível ser livre e ter autoestima independente das suas marcas. Pelo contrário, ela hoje olha para a vermelhidão como um traço único e parte importante de quem ela é.

Hoje o objetivo da britânica é fazer com que as pessoas com essas e outras características aprendam a se aceitar, se sintam empoderadas e que tornem a maquiagem uma escolha, não uma obrigação.

LaurenExtra1

lauren8

lauren4

lauren5

lauren7

lauren10

Todas as imagens © Caters News via DailyMail

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Covid mata João Acaiabe, o ‘Tio Barnabé’ do ‘Sítio do Picapau Amarelo’