Inspiração

Apresentadora de TV iraniana quebra o silêncio e denuncia chefe por assédio sexual

por: Redação Hypeness

Apesar das iranianas já terem conquistado alguns direitos em relação a outros países de origem muçulmana (coisas básicas como dirigir, votar e trabalhar), certos machismos persistem no Irã e no mundo todo. Sim, estamos falando sobre assédio sexual no trabalho.

Conheça agora a história da apresentadora da Press TV (canal estatal com notícias em inglês), Sheena Shirani: mais nova rainha da internet!

Sheena usou suas redes sociais para fazer uma coisa muito mais bacana do que alguns bobocas que ainda espalham nudes por aí (coitados). Ela denunciou os assédios que sofria no trabalho no seu Facebook. Na própria timeline, a jornalista postou os áudios e mensagens nojentas que recebia do seu chefe, Hamid Reza Emadi, que a pedia repetidamente favores sexuais.

E por falta de um, ela publicou evidências de dois superiores. Ambos suspensos pelo canal enquanto são feitas as investigações. No entanto quem se demitiu foi Sheena, que pediu as contas e saiu do país para então postar as provas que tinha.

emadi-msg

Em comunicado, a Press TV disse que embora o áudio não possa ser usado legalmente como prova e que Sheena não tenha feito nenhuma denúncia formal, o caso “é sério” e será investigado. No entanto, eles também afirmam que o áudio foi feito com ajuda “de pessoas que se opõem ao sistema iraniano por razões políticas”. Oi?!

“Numa sociedade como a iraniana, se você for fraco e não tiver laços com poderosos, você está sozinho. Mais ainda, se você for mãe solteira, estará desprovida de qualquer valor nesta sociedade, disse a jornalista à seção persa da Voice of America (VOA) – serviço de radiodifusão internacional financiado pelos EUA.

“Eu sabia que ninguém me via como profissional. Eu era vista sexualmente”, complementou Sheena.

mr-emadi

“Chefe gostoso

Beleza… Olha só o tarado pervertido que eu sou.

Fiquei bem depois que perdi peso?”

Apesar de no Irã elas serem obrigadas a usarem o hijab (lenço que tampa os cabelos) desde os sete anos, a violência contra a mulher no trabalho é um assunto que deve ser debatido no mundo inteiro. Ou vai dizer que você nunca ouviu uma história por aí de alguma prima/amiga/vizinha/você que aguenta um cara desses no ambiente profissional? CHEGA! Como já diria Jout Jout: #vamosfazerumescandalo!!!

sheena

E mais #GRLPWR:

Conheça a modelo que desafiou mulheres a se unirem publicando mensagens abusivas que recebia nas redes sociais.

Fotos: reprodução Facebook

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Bebê fotografada com cara de brava após parto é síntese de 2020